Wild Beasts - Mecca

Faixa mais acessível de *Present Tense* encanta por sua melodia Pop e tem o potencial de aumentar o alcance da banda

Wild Beasts - Mecca

Ao ouvir o ótimo novo álbum do grupo Wild Beasts (resenha amanhã no site), Presente Tense, uma faixa se destaca entre todo aquele som sedutor e intrigante. Mecca traz as melhores características da banda, sua personalidade, o ar misterioso e sedutor que lembra nomes como Alt-J ou The Maccabees, as guitarras que marcaram em seus trabalhos anteriores e os elementos eletrônicos que agora dão o tom do trabalho.

Mas, além de tudo isso, é um hit em potencial. Não um potencial linear, ou seja, não é feita apenas para os fãs da banda, Mecca passa a sensação de poder projetá-los para caminhos inesperados.

Ela tem uma sofisticação que é natural dos ingleses, mas vem aliada a uma estrutura que soa muito familiar, o que pode marcar o sucesso da versão original nas rádios (talvez não no Brasil, com excessão de uma Antena 1) e em trilhas de filmes ou comerciais, conquistando um público mais velho.

Mas seu grande potencial está em um possível remix, daqueles bem padrões, sem originalidade nenhuma, mas que acabam transformando faixas do circuito alternativo em grandes sucessos mundiais, como aconteceu com I Follow Rivers, de Lykke Li.

A faixa começa mais minimalista, a voz singular de Hayden Thorpe preenche todos os espaços e a melodia por trás vem num crescente, até chegar o refrão catártico com potencial incrível para clímax de balada. Para completar, a letra mostra que tudo o que o sujeito quer é “sentir aquela sensação novamente”, frase facilmente aplicável em qualquer contexto Carpe Diem e da busca pelo prazer, casando perfeitamente com a inconsequência que a maioria busca na hora de se divertir pra valer.

Se a música vai corresponder a todo esse potencial? Só o tempo dirá, mas não espere que isso aconteça para ouvir uma das mais deliciosas faixas da interessante nova obra da banda britânica. Pois além de tudo, ela ainda cabe como uma luva no contexto do álbum.

Artista: Wild Beasts

Marcadores: Ouça