Anna Wise - THe Feminine: Act II

Anna Wise - THe Feminine: Act II
  • Ano: 2017
  • Selo: Independente
  • Produção: Anna Wise
  • # Faixas: 11
  • Estilos: Pop Alternativo, Pop, Alt-R&B
  • Duração: 30:46
BBBBa

Anna Wise tem cara de gente como a gente. Parece aquela amiga que a gente encontra de noite ou que estudou conosco mas foi morar fora, algo assim. É familiar, de alguma forma. Não bastasse esta empatia que ela desperta, seu talento como cantora é inquestionável, com um registro que transita por várias nuances, demonstrando versatilidade e força. Excelente compositora, ela tem uma banda chamada Sonnymoon, atuando também como colaboradora de Kendrick Lamarr em seus trabalhos mais legais, Anna é uma estrela em ascensão, literalmente começando uma carreira solo com uma enorme pinta de campeã. Seu segundo CD/EP, The Femine: Act II é uma pequena passarela onde ela desfila soberana e mostra todos os seus atributos.

São onze faixas, sendo três vinhetas, além de outras canções com duração inferior a 2:30 minutos, todas com aquela aura urbana contemporânea de fusões de R&B, Rap e Pop Eletrônico. Sabemos que é uma base comum a muitos artistas, sendo necessário o tal diferencial. Anna se dispõe a falar para as mulheres, vítimas de uma sociedade que ainda insiste em enxergá-las como indivíduos diferentes dos homens, em diferentes níveis de aspectos. Sabemos também que estamos em processo de transformação, no qual conquistas vêm sendo alcançadas, mas ainda é bem pouco. Anna é criativa, bem humorada e empática em suas canções e letras, aproveitando uma credibilidade natural que possui, além de uma enorme facilidade de colocar esse discurso nada panfletário em espécimes Pop de primeira prateleira.

Desta safra de canções, há quatro momentos muito acima da média do Pop atual. O primeiro single, Coconuts, é uma baita duma música à beira-mar, na qual quase podemos sentir a brisa do fim de tarde, em meio a sintetizadores liquefeitos, climas oceânicos e um luxo impressionante na produção, mostrando, logo nos primeiros momentos do álbum, que Anna chegou chegando no seu sistema de som. Emendado, sem tempo para descansar, somos apresentados a uma suingada Some Mistakes, com uma linha de baixo matadora, clima anos 1970, com várias camadas de vocais sensuais, mostrando o quanto Anna entende do riscado e o quanto ela é versátil como cantora.

Os outros dois momentos dourados de Act II surgem mais para o fim do disco. Balance In All conserva o clima litorâneo e conta com o respeito tecnológico de percussões sintéticas que concedem modernidade sem forçar a amizade. É outra oportunidade para Anna mostrar a versatilidade de seu registro vocal. Comes In, a última faixa, conserva as levadas lânguidas e sintetizadas, com bom trabalho de sintetizadores e ambiências, novamente dando a impressão que Wise está cantando submersa em alguma região muito azul do oceano.

Anna Wise é um nome certo para acompanharmos ao longo deste ano e arrisco dizer que veremos seu talento reconhecido em muito breve. Se tudo der certo, será uma das grandes.

(The Feminine: Act II em uma música: Some Mistakes)

Bom para quem ouve: Thundercat , Erykah Badu , Lana Del Rey

Artista: Anna Wise

Marcadores: Alt-R&B, Pop Alternativo, Pop