King Gizzard & The Lizard Wizard - Murder Of The Universe

King Gizzard & The Lizard Wizard - Murder Of The Universe
  • Ano: 2017
  • Selo: Flightless Records, ATO, Heavenly
  • Produção: Stu Mackenzie
  • # Faixas: 21
  • Estilos: Rock Psicodélico, Rock Progressivo
  • Duração: 46:38
BBBaa

King Gizzard & The Lizard Wizard é um septeto australiano de músicos nerds malucos. A banda, que está na ativa desde o começo da década e mantém uma média de dois lançamentos ao ano, gosta de explorar as possibilidades do que entende por Rock Psicodélico. Murder Of The Universe, que chega no rebote de Flying Microtonal Banana, acena novamente ao Metal Progressivo dos anos 70.

Murder Of The Universe é uma viagem de 45 minutos que passa por três histórias distintas, embora correlatas. A primeira delas, The Tale of the Altered Beast, fala sobre a transmutação de um homem em besta. A segunda, The Lord of Lightning Vs. Balrog, é uma aventura épica entre duas entidades que simbolizam o bem e o mal. A terceira delas, Han-Tyumi & The Murder of the Universe, assume ares de ficção científica distópica e acompanha um ciborgue obcecado pela ideia de morrer e vomitar.

Todas as faixas contam com uma “narração em off”, o que transforma as músicas praticamente em um pano de fundo para as histórias contadas. Acompanhar mitos épicos sobre monstros nos faz pensar que a banda buscou inspiração em nomes do Power Metal dos anos 80 como Blind Guardian. Apesar disso, Murder Of The Universe mantém um parentesco com Nonagon Infinity, oitavo álbum da banda, bebendo no mesmo estilo e evocando constantemente seus riffs e melodias. Tal semelhança é confirmada pela banda na décima segunda faixa, The Lord Of Lightining, quando canta “nonagon infinity, yup!”

Apesar de longo, o novo álbum de King Gizzard… evolui de maneira holística, como se todas as faixas fizessem referências às suas anteriores, ou como se antecipassem o que está por vir. Caso você não esteja no clima para atravessar 21 faixas e um universo carregado de fantasias distópicas, vale voltar e concentrar os seus esforços em Nonagon Infinity. Se você ansiava por um viagem mais duradoura da banda, chegou a hora de embarcar nela.

(Murder Of The Universe em uma música: The Lord Of Lightining)

Bom para quem ouve: Thee Oh Sees , Ty Segall , Black Sabbath

Artista: King Gizzard & The Lizard Wizard

Marcadores: Rock Progressivo, Rock Psicodélico