Metro Boomin & NAV - Perfect Timing

Metro Boomin & NAV - Perfect Timing
  • Ano: 2017
  • Selo: Republic Records
  • Produção: Metro Boomin, Amir “Cash” Esmailian, Nav, DannyBoyStyles, Pi'erre Bourne, Southside e Trouble Trouble
  • # Faixas: 15
  • Estilos: Hip Hop, Trap, Sample Based
  • Duração: 55:25
BBBaa

Nos últimos tempos, o Hip Hop têm se revelado um gênero mais inventivo que o Rock, mas isso não o torna imune de clichês. Na verdade, de uns dois anos para cá, principalmente após o lançamento de DS2, do rapper Future, uma boa parte dos produtores tem se utilizado do Trap para compor faixas que carecem bastante daquela originalidade que alguns discos construiram dentro do gênero.

Um exemplo é o produtor norte-americano Metro Boomin ficou conhecido por compor uma das faixas do último trabalho de Kanye West, Life Of Pablo e, mesmo assim, acabou cedendo às pressões do mercado e se adequou àquela estética Trap lançando EPs e discos pouquíssimo inventivos. Agora, ele se junta ao rapper indo-canadense NAV em uma nova mixtape que tinha tudo para seguir com os padrões que Future instaurou. Entretanto, parece que há uma pequena fagulha neste disco que aparenta levar os estereótipos do Hip Hop a uma direção mais original.

Seja pela parceria com NAV, ou uma sensação de Metro Boomin de fazer algo novo, o fato é que Perfect Timing tem algo um pouco além dos baixos incessantes e batidas iguais. Mesmo com as famosas e repetitivas interjeições faladas, marcas registradas do produtor americano, há uma predileção por timbres mais soturnos e uma mistura de samples que criam uma ambientação noturna e fria, principalmente em faixas como Minute, I Don’t Care e Rich.

Além disso, há momentos em que a típica batida Trap é substituída apenas pela intensidade dos baixos, o que dá um curioso sentimento de suavidade em meio a pesados timbres, principalmente em Held Me Down, Call Me e I Am. Outro fator que tira um pouco o registro da zona de conforto é a melodiosidade dos vocais de NAV, assemelhando boa parte das composições às do canadense Drake.

Este é um registro que prova que um pouco de esforço pode fazer maravilhas pelo Hip Hop, mesmo que as quinze faixas sejam extremamente parecidas entre si e tragam poucos picos na reprodução do trabalho. Perfect Timing pode não ser o trabalho mais icônico desta geração, mas certamente aponta que é possível salvá-la do conformismo e da mesmice que infecta os novos nomes do rap. Um trabalho esperançoso.

(Perfect Timing em uma faixa: I Don’t Care)

Bom para quem ouve: 21 Savage , Young Thug , Drake

Artistas: NAV, Metro Boomin

Marcadores: Sample Based, Trap, Hip Hop