3030 - Alquimia

3030 - Alquimia
  • Ano: 2018
  • Selo: Novo Egito
  • Produção: Luan LK
  • # Faixas: 13
  • Estilos: Hip Hop, Sample Based
  • Duração: 47:22
BBBaa

O trio baiano-carioca 3030 firmou sua trajetória em cima das certezas acumuladas e aprendidas em sua discografia. Com EPs e mixtapes consolidadas no cenário do Hip Hop brasileiro, como o elogiado Entre A Carne e a Alma de 2015, as rimas desenvolvidas pelo grupo discorrem entre temas diversos como espiritualidade, desigualdades sociais, ascensão e luta. Dessa forma, remói dúvidas e traz aprendizados a cada verso rimado. Colhidas tantas experiências e ensinamentos ao longo de sua carreira, o grupo agora prepara-se para lançar seu terceiro registro, um que procura transmitir toda esta carga acumulada quase como se fosse um mestre do kung-fu: preciso e certeiro.

Alquimia traz em seu nome a essência do disco, embora ela não seja a única possibilidade de entendimento. A mistura de diversas referências, do mais sutil samba às suavidades do R&B norte-americano, expressa a pluralidade de significados da qual o trio se usa para expressar aquilo que lhe toca. Como um mestre artífice, 3030 perfaz por meio de recortes de samples e a escrita de rimas ácidas o caminho que precisamos seguir para compreender plenamente aquilo que se deseja passar. Assim, ora somos aguçados a sentir raiva nas potentes batidas, ora ficamos menos tensos pelas melodias suaves cantadas, mas sempre em mente que quem tem total domínio disso é o grupo.

Precedida de uma introdução atmosférica e densa, Reis e Tronos anuncia que as coisas aqui são ditas na lata, sem metáforas ou frufrus: a luta é descarada e a denúncia, impiedosa. Com participação de Rodrigo Cartier, Minha Calma tenta traduzir o sentimento complexo da calma por uma batida suave e a melodia R&B cativante. Sistema de Burrice mira para os governantes, em uma crítica à rede de complexidades e hipocrisias ou, como dito na música, “sistema de doença”. A mudança é pedida, ou melhor exigida, com ajuda do rapper Emicida em uma espécie de faixa que denuncia com auxílio de aspectos espirituais, bastante caros ao grupo. Por fim, Desabafo embrulha tudo que foi visto até agora e nos deixa a dúvida de que, talvez, nós nunca presenciaremos esta realidade crua.

Este é um disco de crítica clara, mas que usa todas as ferramentas acumuladas para torná-la mais clara possível. O grupo mostra cada vez mais consistência em seu trabalho e aos poucos vai conquistando seu lugar no cenário brasileiro, se é que já não o conquistou. Um disco de claridades ácidas.

(Alquimia em uma faixa: Sistema de Burrice)

Bom para quem ouve: Coruja BC1 , Baco Exu do Blues , Rashid

Artista: 3030

Marcadores: Sample Based, Hip Hop