Calvin Harris: Rumo às Massas

Após inúmeros hits nas baladas dos últimos anos, produtor retorna ao festival com status de headliner

1,452 total views, no views today

29 de março | 18:55- 20:10 | Palco Onix

Calvin Harris “criou a Disco” mas se tornou um dos reis da EDM. Nem todos sabem, mas o produtor escocês já se apresentou no Lollapalooza Brasil em 2012. Tudo bem, naquela época, ele disputou o mesmo horário do show de Foo Fighters – provavelmente o concerto mais esperado daquela noite – e talvez tenha passado um pouco desapercebido pela primeira edição do festival. No entanto, podemos dizer que muita coisa mudou nos últimos anos e relembramos por isso a sua discografia, para você se aquecer e entender todas as suas fases musicais antes de sua, agora, aguardada apresentação.

I Created Disco

Muitas pessoas que comentavam a respeito do nome de Calvin Harris no Lollapalooza de 2012 se lembravam com grande carinho do seu disco de estreia, I Created Disco (2007), famoso pelas suas faixas pegajosas com ares de LCD Soundsytem e perfeito para as Indie Parties. Clássicas canções como Marrymaking At My Place, The Girls ou Accetable in the 80’s tocaram exaustivamente no período de seu lançamento e nos levaram a crer que o papel do produtor seria o de trazer a volta do Disco e do Groove – que mais tarde retornaria pelas mãos do Daft Punk.

Ready for the Weekend

Dois anos após o estrondoso sucesso de seu debut, Calvin retornaria com mais um apanhado de hits certeiro concentrados na Disco. Ready for the Weekend, (2009), traria em sua faixa título um ar nostálgico aos grandes bailes da década 1970 e 1980 e fez muita gente balançar os quadris em pistas de dança pelo mundo. Outra faixa que já havia sido lançada anteriormente, mas que esteve presente neste álbum, é Dance Wiv Me feita com as rimas de Dizzie Rascal e que mostrava o futuro de Harris: parcerias certeiras e a vontade de se manter em movimento.

18 Months

Podemos dizer que o ano em que Calvin Harris se apresentou no Brasil também foi o ano que a sua vida mudou totalmente. Não que ele já não alcançasse um certo estrelato no meio musical, principalmente no Indie voltado à música eletrônica, no entanto, no final daquele ano, ele lançaria 18 Months, disco que trouxe-o com estrelas da música para criar hinos que são cantados até hoje e muito esperados para a sua nova apresentação no Lollapalooza. Vamos citar três nomes para você entender o poder desta obra: Rihanna ( We Found Love), Ellie Goulding (I Need Your Love) e Florence Welch (Sweet Nothing) são alguns dos artistas e das músicas que você certamente já ouviu em alguma festa, sem dúvidas, e que ao vivo prometem fazer o festival tremer. Entretanto, talvez o seu momento mais lembrado do disco seja a balada irrestível Feel So Close que temos certeza que mesmo quem despreza o produtor já a ouviu escondida.

Motion

Então, Calvin Harris viria a popularizar com 18 Months a EDM em todas as camadas musicais. Saia a Disco com muito suingue para entrar os drops de batidas explosivos perfeitos para festas gigantescas em qualquer lugar do planeta. Seu sucessor, Motion (2014), o colocou novamente no posto de estrela do estilo, mas, como o próprio nome do álbum explicita, o produtor não está parado. Não que o estilo musical do qual ele se tornou rei fora esquecido, ou as diversas parcerias – Haim, Hurts e Gwen Stefani são só alguns exemplos – não tenham valor, no entanto podemos ver o produtor tentando puxar os limites do gênero até não poder mais. Ele está mais pesado e com o gosto pela Trap e Dubstep que nos fazem aguardar por faixas mais enérgicas, como Burnin ou Open Wide.

Certamente, este é o Lollapalooza que mais se preocupou com um line-up atrativo de nomes de música Eletrônica. No entanto, se todos os grandes nomes do evento são na verdade retornos aos palcos do festival no Brasil – Skrillex, Steve Aoki e Major Lazer -, podemos dizer que quem volta com o status de headliner no evento é Calvin Harris, indo de encontro às massas para fazer provavelmente uma das maiores festas desta edição.

lolla

1,453 total views, 1 views today

ARTISTA: Calvin Harris
MARCADORES: Aquecimento

Autor:

Economista musical, viciado em games, filmes, astrofísica e arte em geral.