Dicas Monkeybuzz para o Lollapalooza 2014

Vale a pena planejar como será os preparativos para ir, o caminho e o que fazer no fim de semana

2,649 total views, no views today

Prestes a embarcar na terceira edição do festival, o Monkeybuzz já é macaco velho de Lollapalooza (desculpe pelo trocadilho!), o que já nos faz querer dividir as melhores dicas pra você curtir muito o fim de semana. Além do mais, fomos convidados para uma visita pelos bastidores das montagens dos palcos no início desta semana. Ou seja, estamos mais por dentro do que nunca de como será o evento nos dias 5 e 6 de abril.

Por isso, compilamos as melhores sugestões para você ter dois dias memoráveis no Autódromo de Interlagos. Hoje, falaremos dos detalhes de planejamento para o evento em si. Amanhã, o assunto será os shows. Aproveite as dicas e compartilhe tudo com aqueles amigos que você sabe que tem tudo pra ficarem perdidos na hora do “vamo ver”.

Se Arrumando Pra Ir

Carregar muitas coisas para o Lollapalooza implica em dois lados negativos: Um peso a mais que você leva de um lado para o outro durante o dia todo e perder mais tempo na hora de entrar, porque eles revistam bolsa por bolsa, mochila por mochila, pochete por pochete (tá na hora dos hipsters usarem pochete, né?). O lado bom é a conveniência de ter à mão algumas vantagens pra quem vai ficar o dia inteiro ao ar livre. Outra boa notícia é que haverá guarda-volumes no local (Guarda e Curte, por 9 reais).

Daí, o que levar? Protetor solar é necessário, como sua mãe insiste (por mais locais cobertos que o festival tenha, a maior parte do tempo você estará debaixo de sol). Guarda-chuva não entra, então capriche na capinha. Um pacotinho de lenços de papel é uma boa ideia também (nunca se sabe) e não ocupa espaço nenhum. Tudo isso dá pra levar no bolso, inclusive.

Por falar em bolso, o outono de São Paulo pede uma roupa bem “meia estação” mesmo. A previsão do tempo é de um dia ensolarado e uma noite friazinha, então uma combinação versátil é a melhor opção (e levar uma blusa, principalmente para as meninas e os mais friorentos, é item básico).

Sobre calçados, tenha em mente que você estará em pé na maior parte do tempo, então conforto importa sim. Outra: Lá é tudo bem gramado e o que acontece com a grama se chover? Sim, altas chances de lama. Entendeu, né? Aquele seu par de tênis/bota confortável e que “tudo bem se sujar” será a melhor opção.

Voltando à mochila: Garrafas (vidro ou plástico) e latas não entram. Se quer levar um lanchinho, invista em comida industrializada (barra de cereal, biscoito etc.) ou frutas já devidamente cortadas.

E não custa dizer: Não se esqueça do ingresso!

No Caminho

O Autódromo de Interlagos está estrategicamente localizado ao fim de um complexo de avenidas que emendam umas nas outras desde o centro de São Paulo (23 de Maio, Rubem Berta, Washington Luís, Interlagos) – dica para quem vem das zonas Leste e Norte -, ou ao fim da Av. Nações Unidas para quem for pela Marginal Pinheiros – opção para quem mora na Zona Oeste. Sendo assim, quem for de carro/táxi não deverá ter problemas pra chegar à região facilmente.

Quem optar pelo ônibus, mesma coisa: Essas avenidas tem grande número de linhas vindas do centro, de algumas estações de metrô da Zona Sul (Vila Mariana, Praça da Árvore, Jabaquara) ou do Terminal Santo Amaro. Há uma relação delas no site do Lollapalooza. E tem ponto de ônibus praticamente em frente à entrada pelo portão TL, o que é ótimo.

Já se pra você ficar mais fácil pegar o complexo metrô e trem (pra quem não é de São Paulo: Os dois tem nomes diferentes, mas são a mesmíssima coisa na prática), é só descer na Estação Autódromo da Linha 9 (Esmeralda). Nem se preocupe em saber como chegar, porque funcionários do festival estarão sinalizando o caminho a partir de lá.

Ao Chegar no Lollapalooza

Todas as comidas e bebidas (assim como o guarda-volumes) são adquiridos com as fichas que você precisa comprar, não com dinheiro direto. Sendo assim, é uma boa ideia ir atrás disso logo que você chegar. Os primeiros caixas são sempre os mais cheios (porque todos querem chegar e já resolver esse problema), então vale a pena caminhar um pouquinho em direção ao primeiro palco com um show que você quer ver e procurar um caixa mais vazio. É claro que isso só vale pra quem chegar mais cedo, porque todos eles ficam cheios depois de uma certa hora.

Sempre dizemos isso nas preparações para o Lollapalooza porque é algo importante: Não se esqueça de se alimentar e se hidratar bem durante o dia. Principalmente se você vai também no domingo – já que o seu bem estar físico tem grande impacto no quanto você consegue desfrutar do festival. Daí, pode valer a pena tirar meia horinha pra curtir uma das áreas de descanso entre um show e outro, pra ter mais pique depois.

Outra coisa que é importante lembrar é que o sinal do seu celular tem tudo pra te deixar na mão, já que milhares de pessoas juntas costumam dar uma pane no sistema. Combine tudo direitinho com o pessoal antes de ir, como marcar pontos de encontro, para não chegar lá e perder tempo, paciência e humor com isso.

E esteja disposto a curtir. O Lollapalooza Brasil 2014 terá muita coisa pra você ver e fazer – de feira gastronômica a pista de patinação -, então pode ir na certeza de que você tem tudo pra viver um fim de semana que lembraremos por muito, muito tempo.

2,650 total views, 1 views today

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.