Ludov: Dez anos de carreira em um início de tarde

O começo do segundo dia de Lollapalooza teve a maturidade da banda paulistana como uma de suas aberturas

 1,691 total views

Fotos: Fernando Galassi / Monkeybuzz

Estreando o segundo dia do Palco Alternativo no Lollapalooza 2013, a banda paulistana Ludov trouxe suas melhores qualidades em uma apresentação curta, mas bem completa.

O sol forte não espantou quem já conhecia o som do grupo e os curiosos que tinham ali um primeiro contato. Do alto de seus dez anos de carreira, os veteranos músicos eram humildes para repetir a frase “Somos o Ludov” e contar um pouco de sua história e dos próximos lançamentos – além do terceiro EP de uma trilogia comemorativa pela década de trabalho, um novo álbum está para sair ainda neste ano e quem estava lá já pôde ouvir uma canção inédita – “em primeira mão”, como disse Vanessa, a vocalista.

Hits de todo esse tempo de carreira se misturaram na apresentação, que deixou mais do que clara a alta habilidade dos músicos, além dos belos vocais da moça e a interessante harmonia com a voz do guitarrista Mauro Motoki. Os dois deixaram o público arriscar atingir o tom certo ao cantar um dos refrões do sucesso Princesa sozinho, uma tarefa que não foi fácil, mas que foi cumprida pelo esforço e pela alegria de ver a banda ao vivo.

Conquistando a simpatia da pequena multidão com músicas de letras boas e instrumentais caprichadíssimos, Ludov deu um belo início de dia a todos os que ali estavam e cantaram com força Kriptonita, um dos grandes hits da banda e canção escolhida para encerrar a apresentação.

 1,692 total views

ARTISTA: Ludov

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.