5 clipes marcantes do The Killers que ajudaram em seu legado

Reveja as melhores produções audiovisuais que deram crédito e visibilidade a banda mais famosa de Las Vegas na atualidade

12,700 total views, 2 views today

O esperado disco Battle Born chega às mãos dos fãs e de admiradores do The Killers em menos de um mês. Hoje em dia, a banda de Las Vegas já pode ser considerada uma grande referência e lembrança para os que já vem chegando a casa dos 30 e uma interessante descoberta e influência aos que ainda chegarão aos 18 anos.

Depois de quatro álbuns emplacando bons singles e angariando cada vez mais uma diversa gama de público, todo mundo se lembra ou se apega ao menos a um clipe do quarteto encabeçado por Brandon Flowers. Abaixo, fizemos uma compilação contando sobre os clipes mais relembrados com carinho e/ou muito bem produzidos.

Somebody Told Me

Disco: Hot Fuss 2004

Esse foi o primeiro sucesso do The Killers lançado em vários formatos como single e relançado pouco tempo depois no primeiro disco da banda, o Hot Fuss. Lançado ainda no ano de 2004, o vídeo trazia um grande mural de LEDs, que na época era um artifício de última geração e inovação.

Brandon aparecia em um clipe próprio pela primeira vez com uma polo, um terno e cabelo um tanto comprido pras próximas fases que vieram depois. A canção alcançou topos das paradas musicais de vários lugares do mundo e todo mundo que você conhece sabe no mínimo balbuciar o refrão ou assoviar o arranjo.

Mr. Brightside

Disco: Hot Fuss 2004

A canção Mr. Brightside teve, na verdade, três clipes produzidos. No entanto, o mais famoso e bem produzido foi a versão dirigida por Sophie Muller. Com inspirações voltadas a um visual mais classudo, com personagens que relembram a atitude rebelde de Maria Antonieta, que reinava lá na França e dizia ao povo que não tinha pães, que comessem brioches.

Brandon aparece com cabelos mais curtos, mas ainda com olhos marcados. Ele e sua banda se divertem com as moçoilas assanhadas no estilo original de um Cabaré enquanto performam a canção. Numa dimensão um pouco menor, a banda também atingiu altos postos nas paradas musicais.

Bones

Disco: Sam’s Town 2006

Ao compasso de que a banda foi crescendo, ela foi chamando atenção de vários olhares, inclusive de grandes famosos que se deslumbravam com a qualidade de seu som.

Eis que nada menos que o diretor Tim Burton se prontificou a dirigir o vídeo da faixa Bones. Simulando um drive-in, Burton traz um casal de namorados que divide momentos dentro do carro e parte na grande tela, mas em um formato cadavérico, revivendo grandes momentos do cinema, acompanhados por filmes como A Um Passo da Eternidade, Lolita, O Monstro da Lagoa Negra e Jasão e os Argonautas.

Brandon lança o bigode e um visual mais clean, assim como sua banda que segue menos performática, ao menos até o momento em que todos encarnem seus papéis de caveira também.

Don’t Shoot Me Santa

Disco: Single Especial 2006

Já firme no mercado musical, o quarteto se deu ao luxo de agradar aos seus fãs lançando uma canção junto a um clipe em especial para o natal. Don’t Shoot me Santa foi veiculado no mês de dezembro de 2006 tendo uma parte de seus fundos revertidos a uma campanha de caridade contra a AIDS.

A canção pode não ser lá uma das melhores do Killers, já que começa a se desenrolar depois do primeiro minuto, mas em compensação o clipe esbanja em criatividade. Brandon é sequestrado aparentemente por um desses Papais Noeis que circulam nas ruas e em shoppings, só que numa versão meliante.

Enquanto o vocalista e sua banda não tocam em um ambiente natalino com seus suéteres datados, Flowers sofre as consequências amarrado a uma cadeira. Divertido!

Spaceman

Disco: Day & Age 2009

Esse é o vídeo com mais trabalho de cenários e personagens que os rapazes já tiveram até então. Spaceman traz a luz o lado Glam Rock de Brandon Flowers, que marcou o vídeo também pelo seu uniforme espacial vermelho com plumas nos ombros.

Sem bigodes e em rumo a algumas escadas, o vocalista se depara com um número grandioso de objetos de cena contrastando com seu visual: Tudo desorganizadamente montado segue o ideal de um mesa de jantar cheio de pompa com pitadas de Alice no País das Maravilhas. É possível lembrar até mesmo em alguns momentos de um carro de destaque numa escola de samba, devido a chuva de informações, elementos e personagens num espaço tão pequeno.

12,701 total views, 3 views today

ARTISTA: The Killers
MARCADORES: Clipe

Autor:

Jornalista por formação, fotógrafo sazonal e aventureiro no design gráfico.