A Voz Por Trás do “Rosto em Branco” de Sia

Cantora e compositora, que esteve ao lado de grandes nomes, agora se prepara para um novo trabalho solo em sua carreira

 62,985 total views

Sia é uma cantora Pop australiana que já galga seu próprio caminho no meio da música há pelo menos 18 anos. Se você não a conhece logo de cara pelo nome, com certeza sua voz lhe soará familiar, uma vez que ela fez participações especiais entre 2011 e 2012 ao lado lado de grandes nomes como David Guetta, com as músicas Titanium e She Wolf, ou até com Flo Rida e a canção Wild Ones. Estes foram grandes sucessos e tocaram exaustivamente nas rádios mais famosas de todo o mundo, além de terem sido também premiadas com discos de ouro e platina. Mas o que poucas pessoas sabem é que a carreira da cantora vai muito além do que essas participações especiais.

Sia, além de cantora, é também compositora, e já trabalhou ao lado de diversos artistas famosos. Nomes como Britney Spears (Toxic, Perfume), Christina Aguilera (You Lost Me) e Rihanna (Diamonds) recheiam o currículo da compositora. Além de ser a queridinha de grandes profissionais da música e grandes artistas, ela também está envolvida na composição de We Are One (Ole Ola), faixa-tema da Copa do Mundo de 2014, que é interpretada por Pitbull, Jennifer Lopez e Claudia Leitte. Recentemente, a cantora também compôs Pretty Hurts, presente no novo e homônimo registro de Beyoncé. Vale ressaltar também que Sia participou nos vocais da banda Zero 7, o que acabou ajudando a moça a ganhar uma projeção ainda maior com sua voz, uma vez que agora ela não estaria apenas por trás das composições.

Além das diversas participações, tanto como cantora ou compositora, o currículo musical da australiana traz também seus trabalhos solos que incluem cinco álbuns de estúdio, sendo o último e também mais conhecido We Are Born, lançado em 2010. Este álbum, inclusive, fez com que ela chegasse às paradas musicais de pelo menos em onze países, incluindo Austrália, Reino Unido e Estados Unidos. Se você nunca tinha ouvido mesmo falar da cantora, agora é a hora.

Sia é considerada uma hitmaker e é dona de uma voz única e marcante, com uma rouquidão única que casou perfeitamente com seu último álbum, trazendo um Pop com toques de R&B e Soul, diferente do padrão apresentado pelas outras cantoras do meio. Com o novo álbum 1000 Forms Of Fear a caminho, ela demonstra que está pronta para se colocar ao lado de grandes artistas, ao mesmo tempo que “ser famosa” não esteja entre seus principais objetivos. Recentemente, Sia adotou uma postura de se esconder da mídia, em diversos aspectos. Recusou-se a ser fotografada para entrevistas, assim como apareceu na capa da revista Billboard com um saco na cabeça. Se isso é culpa de um motivo maior ou dos problemas pessoais da cantora, ainda é difícil afirmar com certeza. Sia revelou em uma entrevista para um repórter do New York Times diversos detalhes sobre seu passado, como seu até então superado vício em drogas e bebidas, o namorado que perdeu em um acidente e uma tentativa de suicídio.

Sia

Segundo Sia, as bebidas e drogas ajudaram a alterar seu comportamento de forma significativa, atrapalhando os planos dela de ser uma grande estrela. Ela também adquiriu alguns comportamentos estranhos, se recusando a promover seus materiais ou dar entrevistas, preferindo não se expor de nenhuma maneira, e passou a se vestir de preto e usar máscaras em suas apresentações (inclusive, pediu pra que sua banda fizesse o mesmo) e fez algumas exigências malucas, como a que dois cachorros vira-latas a acompanhassem durante uma turnê. Em 2010, ela havia escrito uma carta suicida, mas foi interrompida de concretizar o ato por uma ligação de um amigo.

Depois dessa fase turbulenta da cantora, Sia fez uma participação ao lado de David Guetta na música Titanium, o que fez com que ela fosse ainda mais conhecida pelo grande público e sua carreira ganhasse uma notória projeção, logo após passar pelo período conturbado. Desde então, ela passou a compor mais para outros artistas, como Christina Aguilera, e até ajudou Lea Michele a compor uma faixa em homenagem a Cory Monteith, seu namorado que faleceu recentemente devido a problemas com drogas. Sia também esteve no single Elastic Heart com Diplo e The Weeknd, na trilha-sonora de Jogos Vorazes: Em Chamas.

Chandelier, canção recém-lançada e que já ganhou um clipe próprio, marca o retorno de Sia em grande estilo, e abre o caminho para o seu sexto álbum de inéditas. O clipe, inclusive, rendeu mais de 10 milhões de acessos em pouco mais de uma semana desde o seu lançamento. Apesar de ser diferente dos antigos trabalhos solos da cantora, a nova produção é uma poderosa canção com uma pegada mais mainstream do que as anteriores, na qual os vocais mostram o poder da voz e o talento de Sia. Porém, ela ainda se esconde, neste caso, atrás de uma menina de doze anos que encena uma coreografia de dança contemporânea.

Sia Furler tem o perfil ideal de uma grande artista Pop, sendo também intrigante e um tanto controversa, fazendo seu nome com músicas que soam como hits já fadados ao sucesso de público e crítica. Ela, no entanto, recusa-se a assumir a culpa e o mérito por isso, por uma estranha aversão à fama, escolhendo ter então uma vida privada. Em um recente programa, Sia apresentou de costas no The Ellen Show o seu novo single, enquanto a mesma menina do clipe dançada ao vivo a mesma coreografia. Segundo a cantora, ela não tem pretensões de ficar famosa e prefere trabalhar nos bastidores. Mas será que isso será um ponto a favor ou contra?

Todo esse comportamento faz de Sia uma artista misteriosa, que tenta mascarar seu rosto e sua imagem, preferindo apenas mostrar seu trabalho vocal. A cantora, que agora está em sua fase “mais mainstream”, promete um álbum potente e quer figurar entre os grandes hits do ano, mesmo que isso signifique se esconder. A moça anunciou recentemente que o seu novo álbum chegará ao público em breve, e revelou também a tracklist e capa. Mais uma vez, ela decide não mostrar seu rosto, revelando apenas sua peruca loira com um corte característico, também usado pela menina em Chandelier. A promessa de Sia é a de um grande álbum figurando entre as artistas Pop, como um destaque de 2014. A pergunta que fica é: veremos mais da figura de Sia estampada nos shows, entrevistas, ensaios fotográficos e clipes? Talvez ela prefira ser apenas uma bela e poderosa voz, por trás de uma figura frágil e misteriosa, impressa em um rosto em branco.

 62,986 total views

ARTISTA: Sia
MARCADORES: Artigo

Autor:

Largadora por vocação. Largou faculdades, o primeiro namorado e o interior. Hoje só quer saber de arte, cinema, música, fotografia e sair correndo pelo mundo.