Acorde: Kendrick Lamar, Devendra Banhart e Apanhador Só

Equipe Monkeybuzz lista três músicas que podem mudar sua vida

1,449 total views, no views today

Músicas que despertam qualquer ouvido para beleza, novos sons ou novas ideias, sem datas de validade. Assim é a coluna Acorde.

A cada edição, a equipe Monkeybuzz dá três dicas de faixas capazes de mudar vidas. Duvida?

Kendrick Lamar – Sing About Me, I’m Dying of Thirst

Com mais de 12 minutos de duração, a faixa Sing About Me, I’m Dying of Thirst é uma das peças centrais do ótimo álbum good kid, m.A.A.d. city, obra que me apresentou o grande talento de Kendrick Lamar como rapper, letrista e contador de histórias. Essa música é mais um episódio na narrativa de violência e redenção. Se fosse um filme, este seria o começo do terceiro ato, em que a história começa a guinar ao fim e um acontecimento cela o destino dos personagens. Tudo isso de jeito que só Kendrick consegue criar com sua música.

(por Nik Silva)

Devendra Banhart – My Dearest Friend

A música, super curtinha (apenas três versos), fecha o disco Smokey Rolls Down Thunder Canyon (2007) como um bilhete íntimo, desses que a gente deixa para alguém em casa antes de sair. Com uma ambiência misturada à instrumentalização (parecida com a música Cais de Mallu Magalhães, que também já apareceu aqui na coluna), funciona como uma cena ou microconto, existindo quase à parte do restante do álbum. Carregada de sentimento, é daquelas faixas para aproveitar cada segundo porque, quando você percebe, já está final.

(por Leandro Reis)

Apanhador Só – Bem Me Leve

“Fazer tu perceber que sem eu aí não tem ninguém pra te aquecer” – A poesia simples e carinhosa dessa música foi um dos motivos que me conquistaram em Apanhador Só lá em um 2010 tão distante que já parece outro século. Na semana em que a banda lança seu terceiro álbum, voltar às suas raízes, àquele disco de estreia que tanto encantou, é soltar sorrisos em meio a cantigas carregadas de afeto e bom humor de uma época em que a vida era menos difícil do que a que pede as músicas que o grupo tem feito hoje.

(por André Felipe de Medeiros)

1,450 total views, 1 views today

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.