Anywhere – a nova banda de Cedric Bixler-Zavala

Vocalista do The Mars Volta lança projeto paralelo com referências a Zappa e Morricone em um misto de Punk e Psicodelia muito interessante

3,170 total views, no views today

Cada vez mais, tenho percebido que os projetos paralelos, ao contrário do que o nome indica, mantém muitas semelhanças com as bandas principais de cada artista. Isso não é diferente com Anywhere, trabalho de Cedric Bixler-Zavala em parceria com Christian Eric Beaulieu (Triclops!) e Mike Watt (Minutemen/fIREHOSE). O músico pega bastante das sonoridades características de suas bandas, The Mars Volta e At The Drive-In, e dá a elas uma cara diferente neste projeto.

O trio faz uma mistura bem diferente, porém bem acessível. O som do Anywhere poderia ser descrito como o encontro de Ennio Morricone com Frank Zappa em algum restaurante oriental. Tentando simplificar, a banda usa muito do violão em um encontro psicodélico com elementos eletrônicos e uma bateria frenética tocada por Cedric (que assume também os vocais).

Tão emocionante e etéreo quanto algumas faixas do The Mars Volta, a sonoridade deste projeto pode lembrar bastante a vibe dos primeiros discos da banda e ainda agradar os fãs mais puristas que reclamaram das mudanças em seu estilo com o decorrer do tempo. O violão furioso coversa muito bem com a bateria em uma espécie de Punk acústico e os elementos eletrônicos e feedbacks intencionais dão uma cara mais viajada ao trabalho. Essa aura psicodélica se apresenta também pelos vocais, característicos de Bixler e pela participação de Rachel Fannan (Sleepy Sun) em algumas faixas, que parecem criar uma espécie de mantra.

O Anywhere se formou de maneira despretensiosa ainda em 2010, resultado do encontro dos músicos em uma festa e, após uma só conversa, já tinham muita coisa na cabeça e muito o que experimentar. Os primeiros EPs saíram no começo de 2012 e, logo depois, o primeiro álbum (que recebe o mesmo nome da banda) apareceu em abril no Record Store Day, com uma tiragem de apenas 500 cópias. O lançamento oficial ficou para o mês de julho, agora com mais cópias lançadas.

Cedric parece, agora, tão prolífico quanto Omar Rodríguez-López, seu companheiro de The Mars Volta, com quem recentemente realizou a turnê de volta do At The Drive In e ainda acha tempo para gravar e compor músicas nesse projeto, tudo isso além do disco Noctourniquet, que a banda dos dois lançou no início do ano. Não me surpreenderia se, em breve, vermos mais material do cara, em parceria com alguém ou em formato inteiramente solo.

3,171 total views, 1 views today

Autor:

Apaixonado por música e entusiasta no mundo dos podcasts