Com que fone eu vou? – Parte 2

Nesta semana, selecionamos dois excelentes modelos de earphones para você escolher qual se adapta melhor à sua maneira de ouvir música

 5,754 total views

Escolher um fone de ouvido é uma tarefa que demanda mais atenção do que a maioria das pessoas imagina. Existem modelos diferentes para cada ocasião de uso, estilo de música e uma infinidade de modelos para cada mania ou preferência que possamos ter. Para isso, há duas semanas, fiz a primeira metade de um pequeno guia com algumas dicas de fones de ouvido que já testei e recomendo.

Não sou nenhum especialista em áudio, mas somente um amante de música e tecnologia que foi aprendendo a escolher bons fones por testar, testar e testar até encontrar os modelos ideais para o meu tipo de uso. Encontrei a combinação ideal entre um Headphone, tema do post anterior, e um earphone. O primeiro é legal para deixar fixo em algum lugar, como o trabalho ou em casa, podendo levá-lo para uma viagem de carro, ônibus ou avião, já que sua principal vantagem é a imersão que traz devido à cobertura completa da orelha, maior potência e sistemas antirruído. Já os earphones/earbuds são os menores, mais comuns e com preços mais acessíveis. Decidi dividí-los em duas principais categorias, que já devem cobrir boa parte das preferências auditivas por aí.

Outer-Ear Headphones

Marshall Minor: US$ 60,00

Marshall Minor Headphones

A clássica marca de amplificadores Marshall, decidiu entrar forte no mercado de headphones, Com dois modelos, um de heapdhone, o Major e o Minor, outer-ear headphone com uma vantagem em relação a outros da categoria.

Para quem não sabe, outer-ear headphones são aqueles que não penetram na sua orelha, no geral são representados por fones baratos e de qualidade inferior como os que vem junto com grande parte dos celulares, uma infinidade de Skullcandy’s e inclusive os já clássicos (porém não muito bons) branquinhos da Apple que acompanham os iProducts há algum tempo. Mas a Marshall veio para mostrar que nem só de fones descartáveis vivem os fabricantes deste tipo de dispositivos.

A grande diferença do Marshall Minor para os demais é sua pequena e quase imperceptível “pontinha” que penetra e encaixa na orelha melhorando a qualidade com que o áudio chega até você, chegando até a isolar (mesmo que levemente) o som exterior. Para acompanhar, ele vem com um pequeno ganchinho de borracha que ajuda a prender o fone na lateral da orelha, o que me fez comprar um estoque deste fone para poder usá-lo durante um bom tempo.

Algo curioso sobre ele, foi que eu sempre imaginei que fosse a própria Marshall que houvesse criado o modelo, mas há pouco tempo, descobri que a marca Urbanear produz um modelo IDÊNTICO, de diversas cores e com a mesma qualidade. Ao pesquisar um pouco mais, apurei que os fones são exatamente os mesmos, fabricados por uma empresa que os personaliza para cada uma das marcas o venderem como modelos próprios. Para quem quiser conhecer a versão da Urbanear que é tão boa quanto, eles foram chamados de Medis.

In-ear Headphones

Bowers and Wilkins C5: US$169,00

bowers and wilkins c5 engadget

Mais uma marca de amplificadores que decidiu se aventurar no mundo dos fones de ouvido, a Bowers and Wilkins é uma marca de áudio muito reconhecida por suas caixas de som para uso pessoal, home theathers e até por uma linha de áudio para carros, mas estreiaram no mundo dos headphones recentemente.

O C5 é o modelo In-ear da marca e é simplesmente fantástico. Além de emitir um som limpo e no qual é possível perceber todos os mínimos detalhes de uma canção, o conforto e estilo também estão presentes no produto.

Eu sempre tive problema com fones In-ear, pois eles fazem um pouco de pressão nos ouvidos, me deixando com um pouco de dor de cabeça toda vez que os uso. O C5, porém, possui um anel ajustável que segura o fone na sua orelha por dentro, sem de maneira nenhuma parecer aqueles fones de ginástica esquisitos. Por ter o apoio do anel, o fone não fica preso tão profundamente no ouvido, diminuindo a pressão e não incomodando os mais sensíveis. Desde que usei pela primeira vez, costumo dizer que, para quem já gosta deste tipo de fone, o Bowers and Wilkins será seu novo modelo favorito e, para quem não gosta, passará a gostar.

Seu Noise-cancelling é muito bom, não chegando a isolar 100% do som como alguns outros do mercado, mas com a música ligada no menor volume, a diferença é imperceptível. Apesar de um pouco mais caro que seus concorrentes (o Beats Tour, mais recomendado para quem ouve estilos como Hip-Hop com mais graves, pode ser encontrado nos EUA por US$129,00), o C5 é um modelo que está acima dos outros em qualidade, conforto e estilo e é a minha escolha dentro da categoria.

Seja qual for sua preferência, é muito importante ler reviews dos modelos antes, como os deste post ou os do Engadget, sempre muito confiávies. Além disso, procure encontrar algum amigo que já tenha ou alguma loja com demonstração para provar e escolher qual se adequa melhor ao seu tipo de uso.

 5,755 total views

MARCADORES: Compras

Autor:

Nerd de música e fundador do Monkeybuzz.