Conheça Jackson Scott

Promissor músico pode agradar fãs de Syd Barrett, Elliott Smith e Ty Segall

 2,752 total views

Jackson Scott é um artista promissor que voltará em breve à luz dos holofotes, com o lançamento de seu álbum, Sunshine Redux. O músico da Carolina do Norte estreou com Melbourne, em 2013, e foi capaz de chegar à alguns ouvidos com seu moderado sucesso, impressionando muitos deles por sua crueza sonora e pela qualidade de trovador do músico, que fica evidente ao se assimilar as histórias contadas com suas letras.

Entender a obra deste jovem músico é também vislumbrar diversos artistas que pavimentaram as rotas escolhidas por Jackson. Mesmo que de forma inconsciente, há muito destes nomes em suas baladas rústicas, elementos que se juntam como um quebra cabeça de referências.

Entre a loucura e lucidez de Syd Barrett

O fundador do grupo Pink Floyd é um dos mais icônicos músicos do Rock e também um dos mais importantes para o resultado de Melbourne. De certa forma, Scott parece buscar seu “Barrett interno”, achar dentro de si aquilo tornava essa lendária figura tão singular. As melodias desconjuntadas e as letras “fora do padrão” colaboram com a comparação, apesar dos resultados serem bem diferentes do que foram vistos nos projetos mais “lúcidos” de Syd, como Piper at the Gates of Dawn ou The Madcap Laughs.

Trovadorismo de Elliott Smith

Mesmo com uma voz frágil e carregada de efeitos, Jackson consegue passar com sua forma de cantar aquilo que pretendia quando escreveu aquelas canções. Suas faixas são carregadas de um significado mais profundo e se mostram ser muito mais que aparentam na superfície, qualidade que Elliott Smith dominava. A forma simplista de compor suas melodias e o vocal delicado se encontram de maneira arrebatadora, podendo lembrar também a obra de Oliver Wilde, mas sem o lado eletrônico.

O Lo-Fi de Ty Segall e Mikal Cronin

A produção de Segall e Cronin chamou a atenção de muita gente por sua crueza no tratamento do som. O que mais interessa é algo bom sendo captado pelos microfones e não exatamente a qualidade com que aquilo sairá das caixas, premissa adotada por Scott em sua obra de estreia e no primeiro single de Sunshine Redux. Os resultados, obviamente, são diferentes, mas a busca pela fachada desgastada e ruidosa é a mesma. E, assim como o duo, Jackson tem cacífe musical para ter muito mais a apresentar além da estética Lo-Fi.

 2,753 total views

ARTISTA: Jackson Scott
MARCADORES: Conheça

Autor:

Apaixonado por música e entusiasta no mundo dos podcasts