Dez Faixas Imperdíveis do Record Store Day 2015

Evento que promove os selos e lojas independentes acontecerá no dia 18 de abril

1,770 total views, no views today

Durante as últimas semanas, temos sido bombardeados por lançamentos do Record Store Day. Faixas, singles, discos, álbuns ao vivo, EPs, relançamentos, reimpressões, descontos, lançamentos exclusivos. Tudo isso tem movimentado uma hype bem grande em torno desse evento anual que, basicamente, celebra o as record stores (lojas de discos) e selos independentes – ou pelo menos era assim que o evento se promovia em seu início, lá em 2007. Devido à grande aceitação por parte do público, as grandes gravadoras também entraram nessa e usam a data para faturar uma grana – ainda assim, oferecendo bastante conteúdo exclusivo para os fãs da boa música.

De 2007 até hoje, muita coisa aconteceu e o evento tomou proporções gigantescas, movimentando alguns milhões para essas lojas, selos e artistas. Apesar de não haver números concretos sobre as vendas, a edição do passado foi a mais lucrativa da história, crescendo mais de 50% em relação à 2013 – um número expressivo para um evento que tem crescido vertiginosamente desde seu início. Se muita gente nos EUA e Europa surfam esse tsunami anualmente, ainda só chegam algumas marolas na costa brasileira, com vendedores aproveitando a data para dar um desconto para seus compradores, mas sem a ideia de trazer material exclusivo – quase como uma Black Friday do vinil.

E vinil é a palavra mais importante aqui. Sabemos que os velhos bolachões estão de volta com tudo e parte dessa reconquistada parcela do mercado se deve também ao empurrão dado anualmente pelo evento. Neste ano, os selos prepararam alguns ótimos singles exclusivos (além de vários relançamentos) para data. Conheça alguns deles que você deveria ficar de olho e, quem sabe, conseguir trazer uma cópia para sua coleção.

Garbage – The Chemicals

Mais uma vez, Shirley Manson e companhia trazem boas novidades ao evento. Neste ano, o grupo comercializará o ótimo single The Chemicals, que conta com a participação de Brian Aubert (Silversun Pickups). Em meio ao habitual clima de Rock Alternativo do grupo, há algumas pitadas do Punk e Industrial – ótima faixa.

Stealing Sheep – Murmur Earth

Run The Jewels – Blockbuster Night Pt. 2 (feat. Despot & Wiki)

Não se engane pensando que esta é uma sobra de RTJ2. Apesar de não ter entrado no álbum, ela mantém a qualidade nos beats, produção, versos e convidados. Bust No Moves, Love Again e Pew Pew completam esse single.

Cloud Nothings – Here And Nowhere Else (In Wingdings) EP

Chvrches – Get Away/Dead Air

Essas duas faixas não são exatamente inéditas, mas são um lançamento exclusivo para o RSD. Elas fazem parte de trilhas sonoras: Get Away da repaginada trilha de Drive (2011) e Dead Air de Jogos Vorazes: A Esperança Parte 1. Se você gosta da banda, essa pode ser uma grande adição (bem exclusiva) para sua coleção.

We Are Scientists – TV en Français, Sous La Mer

Johnny Marr – I Feel You/ Please, Please, Please Let Me Get What I Want

Exclusivo, mas não inédito. Para o evento, o músico (que está presentes a vir para o Brasil novamente) recriou duas músicas de bandas bem importantes: Depeche Mode e The Smiths. Marr fez uma versão bem roqueira de I Fell You e gravou uma versão ao vivo para um dos maiores clássicos de sua ex-banda. Um single e tanto!

Field Music – Casting Out Pts 2 And 3

Monty Python – Galaxy Song (Stephen Hawking Version)

E por que não aproveitar a data para comprar algo (realmente) inusitado? Uma, nada comum, união entre o lendário grupo de comédia Monty Python e o físico superstar Stephen Hawking rendeu um disquinho de 7” com uma versão nova de Galaxy Song.

Twin Peaks – In The Morning (In The Evening)/Got Your Money

1,771 total views, no views today

Autor:

Apaixonado por música e entusiasta no mundo dos podcasts