Música em Série

Trilhas boas em programas de TV vão muito além de “Girls”. Veja sete sugestões de seriados de ontem e de hoje com músicas excelentes

 4,207 total views

Nos últimos 15 anos, Hollywood viu a atenção e o investimento que o cinema vinha recebendo ser dividido também para produções televisivas, que cada vez mais conquistaram o público da maior indústria de entretenimento do mundo. É claro que a música foi atrás e as séries de TV sempre acharam seu espaço para tornar as produções ainda mais marcantes, seja nos temas de abertura ou em cenas que não seriam tão boas sem a ajuda da trilha.

E agora que assistimos muita coisa pelo computador, podemos ir atrás daquilo que queremos ver, seja algo recente ou passado. Pensando nisso, montei uma seleção de dicas de séries de ontem e de hoje com trilhas boas para você que procura algo novo pra assistir, principalmente agora que a segunda temporada de Girls chega ao seu fim.

That 70’s Show

No ar de 1996 a 2008, a série ambientada em uma das décadas com melhores músicas não fez nada feio em sua trilha, recheada de sucessos da época. Tanto é que saíram dois discos com faixas tocadas na série, um com sucessos Disco (como Kool & The Gang e KC and the Sunshine Band) e outro só com hits do Rock (Alice Cooper, The Kinks e Lynyrd Skynyrd, por exemplo). Ainda assim, é impossível pensar na sitcom e não lembrar do “we’re all alright!” da música-tema: In the Street, da banda Cheap Trick.

Skins

Esta produção inglesa começou a ser rodada em 2007 e continua ainda em atividade e já ganhou uma versão norte-americana, que não convenceu os fãs da original. Assim como That 70’s Show, ela foca em um grupo de adolescentes estudantes e as experiências que eles tem nesse período na vida. Florence + The Machine, La Roux e Santigold já fizeram sucesso na trilha, mas a música que virou ícone da série foi Standing in the Way of Control, da banda Gossip.

Sirens

Esta é uma série também britânica que, com apenas seis episódios em uma temporada (de 2011), já ganhou um certo status de cult pela Web. Ao invés de adolescentes, os três paramédicos que estrelam a trama estão perto dos 30 anos e lidam com os problemas dessa época ao som de Efterklang, Local Natives, The Black Keys, Metronomy, Diplo e Hot Chip, pra citar alguns (é sério, é muita música boa por episódio). O tema de abertura, Surf Hell, de Little Barrie, mostra bem o clima do programa meio comédia, meio drama.

Friends

Por falar em jovens de 30 anos, não tem como deixar o sexteto Friends de fora com sua I’ll Be There for You, da banda The Rembrandts. Os acordes da faixa se tornaram uns dos mais icônicos da televisão. Muita gente nunca ouviu mais nada do grupo, mas baixou a canção pra relembrar a série. No geral, a música não marcava tanta presença assim nos episódios, a não ser diversas referências a bandas e cantores para algumas piadas ou nas composições de Phoebe Buffay. Mas vale assistir ainda assim.

Grey’s Anatomy

O melodrama dos médicos é um prato cheio pra quem curte um dramalhão, mas também pra quem aprecia boa música. Snow Patrol e sua Chasing Cars marcou tanto o fim da segunda temporada que virou uma espécie de hino da série, mas dezenas de outras boas bandas já marcaram as nove temporadas, como The xx, Florence + The Machine, The Naked and Famous, Interpol, Coldplay e Ida Maria.

The O.C.

Uma das séries de adolescentes que mais marcaram os anos 2000 deu aos jovens, além da oportunidade de se identificarem com os conflitos dos personagens, a chance de conhecer muita música boa. The Shins, The Killers, Modest Mouse, Death Cab for Cutie e Beck são alguns dos nomes que já emprestaram suas vozes ao drama, mas Hide and Seek, de Imogen Heap, ficou como um dos seus grandes momentos musicais tanto para quem assistiu a série (por marcar o final da segunda temporada) e até pra quem não acompanhava, já que virou um meme ótimo na época.

Friday Night Lights

Ambientada no Texas, o drama sobre um time de futebol americano de um colégio tem trilha variada com muita gente boa no repertório, como Sufjan Stevens, Heartless Bastards, Spoon, Jakob Dylan, José González, The Killers, The National e Explosions in the Sky. Essa última é a mais lembrada pelos fãs de música que acompanharam as cinco temporadas, já que não só musicou alguns momentos notáveis da trama, mas serviu de inspiração também para a música tema, composta por W. G. Snuffy Walden.

 4,208 total views

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.