Playlist: Beat Scene

Batidas eletrônicas do mundo inteiro em lista sem gênero ou estética específica

1,703 total views, no views today

Caracterizar uma cena por conta de batidas como fio conectivo pode soar um pouco abrangente, ou até mesmo impreciso. No entanto, nomes mais antigos, como J Dilla e Madlib, vem fazendo batidas sem rap – puramente como música instrumental – há bastante tempo. Foi somente a partir de um local, Low End Theory em Los Angeles, que produtores e músicos com referências de Hip Hop e Música Eletrônica encontraram um domínio para apresentar suas criações, como Flying Lotus, Nosaj Thing e Shlohmo.

Esta playlist, coloca em evidência nomes antigos e novos que vem transformando o conceito de batidas eletrônicas para além de compassos marcados e estáticos. Se lá fora tudo já vem ganhando corpo desde a metade da década passada, no Brasil temos a Beatwise Recordings e a 40% Foda/Maneirissimo (ambas com sua discografia no Bandcamp) como o ponto de partida para entender como a cidade e a música se fundem a partir de ritmos diversos. Logo, não se importe muito com o BPM e permita-se variar como a música pede.

1,704 total views, 1 views today

Autor:

Economista musical, viciado em games, filmes, astrofísica e arte em geral.