Catálogo de Michael Jackson pode ter sido roubado

Sony teria sido vítima de ataque de hackers, que teriam levado faixas inéditas gravadas nas sessões de “Bad”, “Thriller” e “Off The Wall”, incluindo uma parceria com Freddie Mercury

1,571 total views, 1 views today

Toda a obra de Michael Jackson teria sido roubada em um crime virtual contra a Sony Music, informa o jornal britânico The Sunday Times. A gravadora não confirma a informação. O catálogo do artista teria sido levado após uma invasão de hackers aos servidores da Sony, que teria depois identificado a brecha em seu sistema e a consertado.

O acervo conta com faixas inéditas gravadas nas sessões de Bad, Thriller e Off The Wall. Segundo o jornal britânico, essas faixas incluem parcerias com will.i.am, dos Black Eyed Peas, e Freddie Mercury, do Queen.

O catálogo foi comprado pela Sony em 2010 por 250 milhões de dólares. Dele, a gravadora extraiu as faixas que compuseram o disco póstumo Michael, de 2010.

1,572 total views, 2 views today

MARCADORES: Polêmica

Autor:

Jornalista. Acredita nos duendes enroladores de fones, mas não no hype.