Wu Lyf sinaliza que pode acabar

Mas baixista desconversa e diz que a banda gosta de criar drama; grupo tem turnê marcada nos EUA e Europa

 1,144 total views

O Wu Lyf, sensação inglesa da temporada passada, gosta de um drama. Após tocar o último show de sua turnê britânica ontem, em Londres, a banda anunciou “adeus para sempre” ao público. Não foi a primeira vez: em um show anterior, em Manchester, o vocalista Ellery Roberts já havia dito que aquele seria o último.

Esse tipo de ação faz parte do marketing “falem mal, mas falem de mim” da banda, que, no ano passado, passou um bom tempo sem revelar os rostos. O grupo tem shows marcados na Europa e nos EUA, inclusive com uma passagem pelo Coachella.

Explicando-se à revista britânica NME, o baixista Tom McClung disse: “Quando falamos sobre as coisas, é sempre com uma noção de ‘para sempre’. Se você tem nossa idade, um ano é muito tempo. Você vive uma vida diferente a cada ano. Gostamos de criar um pouco de drama, isso é o que me anima a tocar toda noite. Seria chato simplesmente dizer ‘vejo vocês ano que vem’”.

Indies que gostam de drama, irônico, não?

No caso de o Wu Lyf acabar mesmo, veja abaixo uma performance completa da banda na rádio KEXP, com quatro músicas:

 1,145 total views

ARTISTA: Wu Lyf
MARCADORES: Polêmica

Autor:

Jornalista. Acredita nos duendes enroladores de fones, mas não no hype.