Ouça: Petite Meller

Parisiense usa sua imagem inspirada no cinema italiano e francês de décadas passadas para deixar mais sofisticado seu divertido “Jazzy Pop”

 3,870 total views

Desde muito tempo, intensificado principalmente após a popularização dos videoclipes, o visual tem influenciado na nossa percepção dos artistas Pop. Com a parisiense Petite Meller, nossa escolhida para o Ouça: Bandas de hoje, não foi diferente.

A modelo, pós graduada em Filosofia, como toda boa francesa, respira alta cultura em seu dia a dia, tendo como inspiração para seu estilo e principalmente, para seus clipes, diretores franceses da Nouvelle Vague e italianos da década de 60 como Fellini, Pasolini e Antonioni, seu preferido. O clipe para sua melhor e mais popular faixa até agora, Backpack, sofre grande influência dos fimes O Demônio das Onze Horas, de Godard e O Inferno de Henri-Georges Clouzot, segundo a própria.

Seu som no entanto, tem pouco de resgate do passado. É um Synth Pop com influência do Jazz, que Petite descreve como Nuvo-Jazzy Pop. Traduzindo, um Pop que destaca bastante sua voz aguda e texturizada – bem no estilo da Grimes, por exemplo. Outra boa referência para quem precisa de uma comparação é a dinamarquesa , além de toda essa onda do Pop dançante bem apoiado nos sintetizadores que vem popularizando artistas que ficam naquela linha tênue entre o Pop e o alternativo.

Petite Meller não tem cara de quem vai se tornar um grande nome, não espere ouvi-la em todo lugar – talvez em um ou outro comercial de perfume ou desfile de moda mais hypado -, mas mesmo assim, é um som divertido, sofisticado, bem escrito e que acompanha bem a direção que tem tomado alguns bons nomes da música Pop atual.

 3,871 total views

ARTISTA: Petite Meller
MARCADORES: Ouça

Autor:

Nerd de música e fundador do Monkeybuzz.