Ouça: The Derevolutions

Sem pretensão de fama, duo consegue emplacar hit atrás de hit em sonoridade Indie Pop

 3,912 total views

Tem muita gente querendo ser famosa por aí. Muita mesmo. Esse não é o caso do projeto The Derevolutions. Por enquanto, a banda encabeçada por Brett Boucher tem divulgado suas canções pela rede sem grandes pretensões, só mesmo a de se divertir. E, de fato, isso tem dado certo, tanto para eles quanto para quem se depara com seu trabalho, visto que todas as canções reveladas até agora trazem em sua essência toda a efervescência que um bom Indie Pop precisa.

Em uma curta troca de palavras com o grupo por e-mail, aparentemente a banda prefere se manter longe dos holofotes, tanto que nem fotos oficiais tem. Descobrimos que a outra metade da banda é Ana Karina, que é brasileira e empresta muitas vezes sua voz para as canções. Ela também está ajeitando tudo para a gravação do primeiro clipe, da adorável canção Now You Know My Name, no Rio de Janeiro em breve.

Um bem bolado de influências mistas com um apelo extramamente grudento e radiofônico talvez seja a melhor maneira de descrever o trabalho dos jovens residentes no Massachussets (EUA). No pique de nomes como Ra Ra Riot, Peter, Bjorn and John e Two Door Cinema Club as composições te fazem elaborar passinhos do começo ao fim, propondo pequenas “micaretas indie”. Os sons transitam entre um Twee e o Surf Pop super dançante, como o de Alpaca Sports e San Cisco, nas músicas Pascualita, Waste Your Love Away e Gimme Bubblegum.

O R&B e o Soul também são evocados em momentos específicos – as músicas Crazy Janey e #Hashbags, trazem até versos rimados, como em composições de Hip Hop atuais, pertinho de Frank Ocean e Chance The Rapper. Até a música Eletrônica tem vez. Lembrando dos primórdios de Metronomy e do atual Kisses. Espie as faixas Disappoint Your Teacher e What’s With The Future e tire a prova.

Graças à despretensão proposital do duo, fica difícil dizer quando eles deverão lançar um álbum ou ao menos um EP compilando seus vários singles liberados em seu Soundcloud. No entanto, foi fazendo o caminho inverso que a banda chamou atenção: A canção Yell it Out! acabou virando hit lá fora por ser trilha de uma propaganda viral da ESPN. Todos atentos para os próximos passos.

 3,913 total views

MARCADORES: Ouça

Autor:

Jornalista por formação, fotógrafo sazonal e aventureiro no design gráfico.