Resenhas

Breakbot – Still Waters

Produtor retorna com sua fórmula de sucesso

 2,012 total views

Ano: 2016
Selo: Ed Banger Records
# Faixas: 13
Estilos: French House, Disco
Nota: 3.5
Produção: Thibaut Berland

Back for More é o nome da faixa de abertura do segundo álbum do produtor francês Thibaut Berland – mais conhecido por seu codinome Breakbot – e parece, de modo bastante sincero, dizer a que veio. De fato, Still Waters é o retorno triunfal de Berland após um hiato de pouco mais de três anos e surge repetindo, sem ressentimentos, a fórmula de sucesso de sua estreia.

Portanto, se o álbum By Your Side continha uma sonoridade extremamente contagiante embalada pela French House, podemos esperar exatamente o mesmo aqui. Temos o revival do Funk e do Soul setentistas, uma reverência à Disco Music e, é claro, uma associação imediata a Curtis Mayfield, Prince e Michael Jackson (embora este último pareça ser, de fato, o patrono do trabalho).

Com seu lançamento, Breakbot pertence, da mesma maneira resignada (com essa palavra, veja bem, quero dizer uma atitude muito mais espotânea do que submissa), ao estilo conhecido por French House, no qual figura, com a benção de Daft Punk, como um de seus principais representantes, ao lado de Chromeo e Justice, todavia com um caráter muito mais despretensioso. Além destes, podemos sentir a influência (um retro-influência, talvez?) da cafonice Eletrônica de Todd Terje (ouça as faixas Wet Dream e Still Waters que parecem ter saído diretamente de It’s Album Time).

Recheado de baixos carregados de groove e phasers a perder de vista, só nos resta saber, afinal, que águas paradas são estas a que Berland se refere no título do trabalho. Um dica vinda do próprio: Still Waters é a trilha sonora para um churrasco perfeito à beira da piscina. Se aceitarmos a despretensão e a diversão que o próprio artista propõe, temos um ótimo embalo para o verão.

 2,013 total views

BOM PARA QUEM OUVE: Todd Terje, Daft Punk, Chromeo
ARTISTA: Breakbot
MARCADORES: Disco, French House

Autor:

é músico e escreve sobre arte