CHVRCHES – Every Open Eye

Grupo abraça o Pop em seu segundo trabalho

2,469 total views, no views today

Ano: 2015
Selo: Virgin, Glassnote
# Faixas: 11
Estilos: Synthpop
Duração: 42:02
Nota: 3.5

Como uma banda nascida no âmbito virtual da Internet, CHVRCHES não parece ter tido problemas em se adaptar ao “mundo real”. Com um sucesso vindo de blogs e sites de músicas por conta da repercussão do EP Recover, e, logo em seguida, com a carreira alavancada pelo lançamento do seu primeiro álbum completo The Bones Of What You Believe, o trio escocês formado por Lauren Mayberry, Iain Cook e Martin Doherty acaba de provar sua consistência com o lançamento de seu segundo trabalho Every Open Eye.

A ideia de que o segundo trabalho de uma banda é um dos pontos mais delicados de sua carreira é tão difundida que quase chega a ser um tabu, mas, de fato, muitos são os fatores que pesam para avaliar essa etapa da vida de um grupo. A audição de Every Open Eye prova que CHVRCHES conseguiu sobressair com maestria dessa provável crise, dando um passo a frente em sua ambição, abraçando sem preconceitos o Pop, embora fiel à proposta original do grupo.

É praticamente impossível descrever a música de CHVRCHES, um grupo de Synthpop, sem apelar às metáforas atmosféricas. Aqui, se neblina, névoa, ar gélido e aurora boreal são vocábulos constantes em sinopses que descrevem o grupo é porque o trio evoca essas sensações com facilidade e fazem por merecer seus rótulos.

A grande diferença que podemos observar entre The Bones Of What You Believe e Every Open Eye é que o grupo, pertencente ao Synth Pop (assim como muitos outros grupos do gênero), agora abraça muito mais o seu lado Pop do que os ares alternativos provocados pelo uso de sintetizadores e samplers. Tanto é que se ouvirmos esse trabalho sem pré-julgamentos mentais, poderemos facilmente associá-lo a Taylor Swift, ou mesmo à Carly Rae Jepsen em sua fase atual, dada a quantidade de elementos eletrônicos que se vê atualmente na música destas últimas. Refrões pegajosos e melodias doces grudentas aparecem vez ou outra (ouça Empty Threat ou mesmo Leave A Trace, um singles selecionados para esse álbum). Em outros momentos sobressai a faceta mais lânguida – e, consequentemente, mais próxima de seu trabalho anterior – como na influência Daft Punk de High Enough To Carry You Over ou mesmo de Down Side of Me.

Em Every Open Eye CHVRCHES ainda acena para seu passado alternativo enquanto afasta-se dele, abraçando o Pop de consumo fácil, com temas que rodeiam os desentendimentos amorosos. Uma mudança que, sem dúvida, é um sintoma da maturidade atingida pelo grupo com o lançamento de seu segundo trabalho.

2,470 total views, 1 views today

BOM PARA QUEM OUVE: Taylor Swift, Beach House, Grimes
ARTISTA: CHVRCHES
MARCADORES: Synthpop

Autor:

Discreto e silencioso. Falo pouco, ouço bem, porém.