Resenhas

Cloud Nothings – Live at The Grog Shop

Toda distorção, angústia e energia do grupo foram transportadas para o palco da cidade natal de Dylan Baldi, em show que rendeu um ótimo EP ao vivo em Cleveland

 2,028 total views

Ano: 2012
# Faixas: 5
Estilos: Noise Pop, Lo-Fi, Garage Punk, Indie Rock
Duração: 27:45
Nota: 4.0

Nada como tocar em casa. A volta de Dylan Baldi e sua turma para sua cidade natal, Cleveland, rendeu um ótimo EP gravado ao vivo: Live at Grog Shop, que consegue capturar toda a essência e energia juvenil da banda. O disco é composto por cinco faixas, sendo quatro do Attack on Memory, terceiro álbum do Cloud Nothings.

Apesar de curta, a apresentação levou para o palco toda a potência e fúria do disco que soa como um desabafo de Dylan. Ao vivo, a mistura de um som garageiro com uma pegada Lo-Fi é posta à prova e parece ganhar ainda mais força junto ao vocal rasgado e penetrante de Dylan, que ajuda a criar a aura visceral do EP.

Stay Useless (segundo single do Attack on Memory) foi a faixa escolhida para abrir esse registro, uma bela canção que traz muito do Punk em si, tanto o vigor quanto a curta duração. Já na segunda faixa, o disco apresenta um de seus melhores momentos por conta da dobradinha Fall In / Separation, conectadas através de uma transição distorcida e descontrolada com uma bateria raivosa, que juntas, em seus mais de oito minutos, mostram o quão belo e potente o som da banda pode se tornar.

Wasted Days ganha uma versão (ainda mais) estendida, com mais de doze minutos e com um tempero especial cheio de distorção e microfonia proposital. No Sentiment, que encerra o último álbum, aqui vem seguida de Can’t Stay Awake, que foi tirada de Turning On e finaliza o EP mostrando uma versão mais crua da banda, que teve seu mais recente disco produzido por Steve Albini.

Apesar de ter deixado o single No Future/No Past de fora da obra, a escolha das canções que compõem o EP foi acertada. Dylan Baldi trouxe ao vivo versões ainda mais viscerais de suas músicas e consegue amplificar a angústia de suas letras com seus riffs zangados.

 2,029 total views

Autor:

Apaixonado por música e entusiasta no mundo dos podcasts