Resenhas

Crusader De Deus – Relações Públicas

EP de estreia é forte, agressivo, caótico e nostálgico

 1,854 total views

Ano: 2015
Selo: Balaclava Records
# Faixas: 3
Estilos: Post-Punk, Rock Pop, Punk Experimental
Duração: 6:35
Nota: 3.5
Produção: Gabriel Guerra
SoundCloud: /tracks/225540442

Foi assim como uma explosão: repentina e bombástica. Gabriel Guerra, ao mesmo tempo que nos encantava com Séculos Apaixonados, trabalhava no que conhecemos há pouco pelo curioso nome de Crusader De Deus. Junto de Clara Zettel (bateria) e Thiago Rebello (baixo), o trio com pouco mais de duzentos likes no Facebook revelou que, por trás de seu bom humor e atitude descompromissada, residia uma fonte de som potente e barulhenta, propondo uma mistura de dois gêneros rara de se ver entre as bandas brasileiras.

A agressividade pode vir por parte do Post-Punk, mas ela se mistura em boas doses com uma insanidade típica do Rock brasileiro dos anos 1980. E é justamente dentro dessa caótica esfera que Relações Públicas se sente confortável para produzir composições que não serão facilmente esquecidas.

Em uma estética que também se aproxima do Lo-Fi, com baterias MIDI e vocais cheios de efeitos que impedem uma compreensão plena das palavras cantadas por Gabriel, Crusader De Deus não tem tempo para lenga-lenga: se você piscar um segundo, perde muito do sentido da obra. Este EP, com pouco mais de seis minutos, autojustifica sua duração de forma a se remeter à violência e expressão Punk, porém busca riffs frenéticos e rápidos para desorientar o ouvinte. Não é como se tomássemos um soco, é como se comessemos um saco inteiro de açúcar e ficassemos frenéticos e inquietos.

Não é uma agressividade em prol de entrar em rodinhas de porrada, é um sentimento de total descontrole, lembrando em parte certas composições do movimento Psychobilly. É verdade que as três composições se assemelham no que diz respeito às estruturas e sonoridades exploradas, mas tudo isto vem com um intuito: de deixar o ouvinte em um labirinto onde ele não acha saída e é obrigado a desvendar e enxergas pistas entre o caos aqui criado. É bem mais do que um EPzinho, é uma experiência nostálgica e sensorial.

Crusader De Deus é um projeto que desperta atenção e mostra-se mais do que uma brincadeira. Um descompromisso que tem grande potencial para futuros lançamentos, evidenciando o talento de Gabriel Guerra como produtor e compositor. Perfeito para pessoas que não param um segundo e moram em cidades grandes.

 1,855 total views

Autor:

Designer frustrado, julgador de capas de discos e odiador daqueles que põem o feijão antes do arroz.