Resenhas

Elliphant- Elliphant EP

Cantora sensação sueca lança um belo e curto EP, cheio de referências e pronto para as pistas de dança

 4,179 total views

Ano: 2013
Selo: A Bigger Splash
# Faixas: 5
Estilos: Dancehall, Dub Techno, Eletrônica
Duração: 18:13
Nota: 3.5
Produção: Patrik Berger

Muito pode ser dito a respeito do EP homônimo de lançamento da cantora sueca Elliphant. Charmosa, a bela vocalista sabe dosar bem as suas referências, indo do Funk carioca até ao Dancehall, estilo difundido atualmente por Major Lazer, por exemplo. Em quatro músicas inéditas e um remix, somos jogados diretamente para a pista de dança.

Apesar de sueca, o seu sotaque em nada lembra aquele inglês quase perfeito proferido pelo povo nórdico. Lembrando muito M.I.A, com algumas acentuações em muitas vezes vindas da própria Jamaica, Elliphant nos transporta para um universo étnico e encantador. O primeiro single, Down on Life, poderia muito bem ter sido produzido por Diplo, dado a sua semelhança com o a carreira do produtor e do próprio Major Lazer. Influenciada pelo Reggae mais dançante, o chamado Dancehall, a música é viciante.

Referências à música brasileira são vistas em Make It Juicy, com aquele típico ‘tchu-cha-cha-tchu-cha” escutado, compulsoriamente ou não, nos transportes públicos tupiniquins. Uma visão brazuca desta música não a favorece, dada a sua utilização de uma batida já manjada por aqui, no entanto, uma visão panorâmica exterior destaca a música ao misturar as virtudes vocálicas da cantora com o Funk carioca. Ou seja, os gringos vão pirar na música, mas não espere o mesmo encanto vindo de você, brasileiro.

In The Jungle utiliza-se de batidas étnicas misturadas à música eletrônica, com um baixo pulsante e uma percurssão tribal. Trocadilhos a parte, a sensação de se estar em uma floresta tropical densa, como a Amazônica, é notória. Traços da primeira fase da cantora M.I.A exalam ao longo de sua duração. Ciant Hear It é talvez o pior momento do disco, trazendo um Pop com batidas Hip Hop que já soa datado e pouco original. Entretanto, o seu Jungle Remix, incluído no EP, muda toda a perspectiva da música, trazendo mais uma vez a influência do Reggae e deixando-a muito mais ensolarada.

Em seu primeiro lançamento, Elliphant mostra boas perspectivas para o futuro, principalmente quando exala o seu lado mais M.I.A com uma produção à la Diplo. Uma boa estreia que nos deixa animados para futuros trabalhos.

 4,180 total views

BOM PARA QUEM OUVE: Major Lazer, M.I.A., Diplo
ARTISTA: Elliphant

Autor:

Economista musical, viciado em games, filmes, astrofísica e arte em geral.