Resenhas

inc. – no world

Disco de estreia dos irmãos Andrew e Daniel Aged seduz com seu R&B minimalista quase em slow-motion

 2,373 total views

Ano: 2013
Selo: 4AD
# Faixas: 11
Estilos: R&B, Soul
Nota: 4.0

As sutis batidas, a leve instrumentação e o que parece o estalar de dedos já denunciam o clima minimalista, envolvente e sedutor de no world, que só aumenta quando a voz quase sussurrada de Andrew Aged entra calmamente para declamar sua lírica apaixonada. É assim que The Place abre o disco de estreia do duo de Los Angeles inc.

Mantendo o mesmo clima ameno, a segunda faixa do álbum (assim como as demais),Black Wings, mostra como a dupla consegue criar bom misto entre guitarra e baixo – neste caso, a primeira cria um riff dedilhado em loop, enquanto o segundo é encarregado de criar o groove. O duo de instrumentos ainda é acompanhado pelas batidas esparsas de R&B, sempre bem lentas, leves, quase em slow-motion.

Com uma produção limpa e objetiva em grande parte do álbum, nada parece ficar perdido em meio às canções. As texturas que ocasionalmente aparecem (como nas faixas 5 Days, Angel e Careful), a clareza nos instrumentos e até mesmo as influências do duo ficam muito latentes logo de cara. Porém, em algumas faixas, os vocais parecem se perder, não em efeitos, mas no próprio jeito de cantar de Andrew. Caso de The Place, em que certas palavras parecem borradas, ou na curtinha Your Tears – ainda assim, isso parece aumentar o efeito fascinante e de certa forma misterioso do disco.

no world segue uniforme em grande parte dos seus 40 minutos, porém há também algumas surpresas no meio caminho, como a bela interação do duo sintetizador/guitarras na faixa Angel, o clima sombrio e etéreo de Careful, a vibe oitentista de Seventeen e talvez a maior delas venha com a instrumental Nariah’s Song, que fecha o álbum ao leve dedilhar do piano e texturas levemente ruidosas.

Os irmãos Andrew e Daniel criaram para sua estreia uma ambientação tão sussurrada e minimalista que nem mesmo a grafia de seu nome ou do título do disco ganham letras maiúsculas. E é assim, de mansinho, que o duo conquista seu espaço entre o crescente público do R&B e Soul.

 2,374 total views

ARTISTA: inc.
MARCADORES: R&B, Soul

Autor:

Apaixonado por música e entusiasta no mundo dos podcasts