James Holden & The Animal Spirits – The Animal Spirits

Produtor grava álbum ao vivo que evoca as forças da natureza

673 total views, no views today

Ano: 2017
Selo: Border Community
# Faixas: 9
Estilos: Folk Psicodélico, World Music
Duração: 48
Nota: 4.0
Produção: James Holden & The Animal Spirits

A capa de The Animal Spirits, novo trabalho do músico britânico James Holden ao lado da banda The Animal Spirits, exibe uma árvore sobre a qual foram colocadas fitas coloridas. O cenário, além de fazer alusão a um ritual pagão, conjuga dois universos distintos em um só, onde a placidez da natureza e as cores vibrantes do tecido sintético conversam em harmonia.

Ou seja, em The Animal Spirits, assim como foi com The Inheritors, o produtor conseguiu, através da capa, manifestar em imagem o conteúdo musical do trabalho. Aqui a música alude a rituais mágicos feitos na natureza, vibrantes, feitos organicamente e com um espírito de comunhão, mas sem abdicar dos timbres sintéticos da música Eletrônica.

The Animal Spirits marca um salto no estilo de Holden. Se antes o produtor estava aplicado introvertidamente à Eletrônica de laptop, agora conjuga uma banda para gravar faixas ao vivo. Tudo é feito para soar orgânico, sem cortes, ao vivo, sem metrônomo, na vibe do momento. A proposta funciona: até as pequenas imperfeições que seriam tiradas em alguma pós produção permanecem dando um ar natural ao trabalho.

O nome das faixas também ajudam a decifrar a proposta hippie de Holden: Incantation for An Inanimate Object, Spinning Dance e Pass Through the Fire são títulos que aludem à coisas místicas, rituais de passagem, encantamentos xamânicos. A lógica dos arranjos parecem seguir à da música Trance, feita, como o nome já diz, para induzir uma espécie de transe no ouvinte. No entanto, os temperos sintéticos são sutis e permanecem numa subcamada sonora. The Animal Spirits remete muito mais à música ritual de gente maluca como os integrantes da banda Goat. Não por acaso, a inspiração veio depois que Holden passou a trabalhar com o músico marroquino Mahmoud Guinia em 2014.

Aludindo a tempos ancestrais, ou verdade humanas já esquecidas pela civilização ocidental, James Holden propõe uma inovação para si mesmo e acerta o alvo.The Animal Spirits é um dos grandes trabalhos de sua carreira.

(The Animal Spirits em uma música: Each Moment Like the First)

674 total views, 1 views today

Autor:

Discreto e silencioso. Falo pouco, ouço bem, porém.