Resenhas

Jonas Carping – Underground

Músico sueco lança EP como aquecimento para seu primeiro álbum solo, “All the Time in the World”, que sai em setembro

1,726 total views, no views today

Ano: 2012
Selo: Independente
# Faixas: 4
Estilos: Folk, Pop Folk
Duração: 38:45
Nota: 3.5
Produção: Martin Karlsson

Underground é o EP que Jonas Carping lançou para preparar terreno para seu primeiro disco solo, All the Time in the World, que deve sair em setembro. Suas quatro faixas dão conta de apresentar ao mundo sua maneira de trabalhar uma sonoridade rica e melancólica, ainda que simples e Pop.

Assim como suas conterrâneas da First Aid Kit, o sueco se inspira em grandes nomes do Folk, como Leonard Cohen e Neil Young, e cria composições versáteis que podem agradar os mais diversos públicos. A faixa-título, que abre o EP, já inicia com o violão revelando sua melodia com as cordas, baixo e a percussão fazendo o acompanhamento. Todos os elementos já chegam juntos para dar as boas-vindas ao vocal grave de Carping, fortemente influenciado por Cohen.

O contraste entre a música acessível e a voz densa do músico vai se dissipando a cada faixa a partir daí. Sideways (que estará no álbum, assim como Underground) coloca novamente o vocal em primeiro plano, acompanhado de uma guitarra Country que dá lugar ao violino na segunda metade da faixa, em uma interpretação mais melódica do cantor, em um tom lamentoso próprio do gênero.

A triste Whatever Nevermind é a que soa mais crua e seca de todas, ao mesmo tempo que poderia estar facilmente em alguma trilha-sonora. Falo isso não só pelo fator “agradável” que a música tem, mas pela sua discrição, com o vocal mais sussurrado que nas anteriores e a gaita tímida que o acompanha. Fecha o disco a tradicional Märk Hur Vår Skugga, do poeta e músico do século 18 Carl Michael Bellman, adaptada à mesma pegada das anteriores.

Para as outras oito faixas que vão compor seu álbum, Jonas Carping promete continuar trabalhando essas mesmas referências nesse mesmo estilo, mas expandindo seu trabalho nessa direção, porém chegando muito mais longe. Enquanto isso, ficamos com o agradável Underground, que pode fazer a cabeça de quem é fã de Folk e de quem não sabe que poderia vir a ser um.

1,727 total views, 1 views today

BOM PARA QUEM OUVE: Leonard Cohen, Lambchop, First Aid Kit
ARTISTA: Jonas Carping
MARCADORES: Folk, Pop Folk

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.