Kilo Kish – mothe

EP trabalha nostalgias vindas de referências do R&B e da Psicodelia

364 total views, 2 views today

Ano: 2018
Selo: Human Re Sources
# Faixas: 6
Estilos: Indie R&B, Alt-R&B
Duração: 23'
Nota: 3.5

O vocal de Kilo Kish parece ser um ímã para todos os outros elementos das músicas de mothe, EP de seis faixas que trabalha uma sonoridade tão seca quanto psicodélica. Em faixas como Like Honey e Elegance, o primeiro plano de som confunde a voz com as batidas em uma estética que resgata a masterização dos CDs nos anos 1990.

Isso não é nada à toa, visto que os temas tratados nas músicas expõem nostalgias e impulsos para rumar ao futuro. Há um grande referencial emocional nessa sonoridade para quem cresceu ouvindo discos de R&B e de Trip Hop daquela década, trabalhados aqui em uma alma Lo-fi influenciada pela Psicodelia de nossos tempos.

No meio do disco, as faixas 3 e 4 (Void e Alive, respectivamente) guardam seus melhores momentos. A primeira resgata o Pop atmosférico popularizado por nomes como Grimes e o coloca nesse universo estético. Depois disso, a seguinte faz o momento mais psicodélico de todo o EP, em uma dinâmica com várias pequenas surpresas e uma lisergia R&B que deixaria Rihanna orgulhosa.

mothe mostra-se um momento de grande liberdade criativa para Kilo Kish, que, por sua vez, comprova sua fluência em dialogar com os sons que cresceu ouvindo e aqueles que escutamos bastante hoje em dia.

(mothe em uma música: Void)

365 total views, 3 views today

BOM PARA QUEM OUVE: Amber Mark, Syd, Rihanna
ARTISTA: Kilo Kish
MARCADORES: Alt-R&B, Indie R&B

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.