Resenhas

Mudhill – Expectations

Disco carregado de nostalgia revela o lado naturalmente popular de referências dos anos 1990

1,182 total views, no views today

Ano: 2016
Selo: Bigorna Discos, Dinamite Records, Sunrise Music
# Faixas: 12
Estilos: Rock Alternativo, Pop Rock, Grunge
Nota: 3.5
Produção: Mudhill e Philippe Fargnoli

A nostalgia toma conta de Expectations, um disco leve e embebido de um Rock como tanto se fazia há vinte anos, aquele dito Alternativo que não tem dó de deixar seu lado naturalmente mais Pop à mostra – ele é melódico aqui, dançante ali, sempre bastante juvenil.

Ele mostra que Mudhill fez a lição de casa direitinho e colocou em prática todas as referências Grunge e pós-Grunge que conseguiu reunir, entregando um bom trabalho que logo conquista o ouvinte e evoca suas lembranças de trilhas de filmes, games e tudo o que já aproveitou o apelo não-tão-popular-mas-Pop-o-suficiente que esse som carrega.

Com a produção de Philippe Fargnoli (ex-Dead Fish, atual CPM 22), o disco varia humores entre as faixas sem perder a mesma linha dinâmica e nostálgica que as doze faixas trazem, sem exceção. Sem pequenas surpresas ou cartas na manga, Expectations é um bom álbum que você vai querer ouvir quando quiser escutar algo exatamente nesse clima, mas dificilmente fisgará um público curioso que não se identifique com essa estética.

A quem se interesse, porém, fica um prato cheio de guitarras de presença, momentos nostálgicos e um espírito jovem bastante agradável que flui entre as músicas, do tipo que dá para ficar ouvindo só esse disco por horas.

(Expectations em uma música: Not About Survival)

1,183 total views, 1 views today

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.