Resenhas

Oberhofer – Cannibalism, Freud, Night of 3.15.13, Morning of 3.16.13 EP

Músico lança um autodesafio de começar e terminar um disco em um só dia e, felizmente, concluiu a tarefa com sucesso

1,525 total views, no views today

Ano: 2013
# Faixas: 5
Estilos: Indie, Surf Music, Lo-Fi
Duração: 18:20
Nota: 3.5
Produção: Brad Oberhofer

Mentes agitadas precisam de desafios constantes. Aliás, quem é criativo mesmo acaba inventando novos limites e obstáculos no dia a dia só para se manter em forma. É esse o caso de Brad Oberhofer, o nome por trás do projeto Obserhofer, que decidiu fazer um EP no período de um dia, da composição à finalização.

O resultado é Cannibalism, Freud, Night of 3.15.13, Morning of 3.16.13, um registro de cinco faixas que mostram mais do potencial criativo do músico e sua banda – que vimos recentemente também no ótimo Notalgia. Fui descobrir a história de como o disco foi feito depois de tê-lo ouvido algumas vezes e a sensação é a de um EP de sobras de estúdio, como gravações de ensaios e jams. Não que as músicas não pareçam estar prontas, mas há uma perceptível crueza tanto na mixagem, quanto na própria atitude de pegar os instrumentos e começar a tocar.

De todas elas, Clouds Fountains se destaca com seu riffzinho de Surf Music, que o músico poderia usar futuramente para criar um bom hit, sem deixar de lado um teor experimental/conceitual que quebra uma pegada que poderia ser totalmente Pop.

A abertura com Scared Alone pode assustar um pouco (com o perdão da ambiguidade) com seu som abafado do timbre de órgão misturado às guitarras. É quase uma aventura Psicodélica por um caminho Indie Folk – ou vice-versa, não sei. É interessante como ele optou por criar músicas mais complicadas no pequeno intervalo de tempo, ao invés de cair em moldes que facilitariam sua fabricação, o que é digno de respeito.

As outras seguem esse mesmo espírito livre que sabe bem até onde o mar dá pé. A curtinha No One Nothing é a que menos chama a atenção, mas tem seu lugar na obra para acalmar os ânimos de Clouds Fountains, enquanto a alma Lo-Fi de Winter Has Come and Gone Again e Your Blood Will Always Flow é a impressão que fica do EP.

Desafio concluído com sucesso, senhor Brad Oberhofer. Pode continuar nos brindando com pequenas obras assim, que fazem tão bem tanto pro ouvinte, quanto pro artista.

1,526 total views, 1 views today

BOM PARA QUEM OUVE: Foxygen, Mac Demarco, Grizzly Bear
ARTISTA: Oberhofer
MARCADORES: Indie, Lo-Fi, Surf Music

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.