Resenhas

Otis Brown III – The Thought Of You

Complexo e sofisticado, álbum de Jazz deve agradar amantes do estilo

 1,228 total views

Ano: 2014
Selo: Blue Note Records
# Faixas: 11
Estilos: Jazz, Modern Jazz, Soul
Duração: 57:00
Nota: 3.5
Produção: Otis Brown III, Derrick Hodge

Ouvir Otis Brown III em seu novo trabalho é como cair de paraquedas em meio a sua profusão rítmica, embasbacado pela virtuose de sua proficiência musical. Baterista renomado e músico experiente, não deixa brechas para quaisquer dúvidas do ouvinte em The Thought Of You. A primeira impressão assusta os desavisados, pois parece eclodir repentinamente, como se iniciada em meio ao ápice de uma jam session: as quatro primeiras faixas do trabalho são complexas e vertiginosas e contém uma gama tão vasta de possibilidades percussivas que impressiona (a menos é claro, que você seja também um virtuoso do ritmo).

Mas a impressão que The Thought Of You deixa é a de que, embora possa deixar boquiaberto seu colegas de profissão, não é um álbum feito para soar de um músico para outros músicos. Digo isso porque logo que começa a parecer cansativo, e a correr o risco de adentrar numa demonstração interminável de suas capacidades técnicas, Brown diminui sua levada e entrega o álbum à sofisticação dos sopros em The Two Become One ou à melodia da voz em You’re Still The One (um cover inesperado de Shania Twain). A todo momento, Otis Brown soa sofisticado e foge ao óbvio da execução de sua bateria de maneira muito elegante e, muitas das vezes, surpreendente (como no final explosivo de Interlude II – LIFE).

The Thought Of You se destaca do padrão de resenhas do nosso site. Longe de ser algo inédito ou inovador, ou mesmo de pertencer a algum círculo jovem de música alternativa, o álbum, ao contrário, apoia-se na alma do Jazz e do Soul americanos (influência de uma era que parece transitar no intervalo dos anos 40 aos 60) e reúne um time de pessoas com um padrão de execução que beira a excelência. Mas, por mais contrastante que isso possa ser, fica difícil encontrar um só motivo para não recomendar a audição deste trabalho.

 1,229 total views

BOM PARA QUEM OUVE: Joe Lovano, Esperanza Spalding
MARCADORES: Jazz, Modern Jazz, Soul

Autor:

é músico e escreve sobre arte