Resenhas

Sepalcure – Make You

Dupla consegue se conectar ao ouvinte com faixas que parecem traduzir a vivência em grandes cidades com seus graves e vocalizações

 1,643 total views

Ano: 2013
Selo: Hotflush Recordings
# Faixas: 5
Estilos: Downtempo, Drum'n'Bass, Dub
Duração: 24:38
Nota: 4.0

Existem aqueles álbuns que parecem ler nas entrelinhas os sentimentos de determinado tipo – seja em personalidade, ambiente, estilo de vida etc – de pessoas. E isso pode se espalhar pelos mais diversos gêneros musicais e atender às mais diversas emoções. Mas, ao se tratar do estilo de vida urbano e dinâmico das grandes metrópoles, o eletrônico consegue ser um dos mais precisos nessa captação e Make You, novo EP de Sepalcure, pode ser tido como exemplo disso.

Formada pelo produtor Travis Stewart, mais conhecido por Machinedrum, e Praveen Sharma, do Braille, a dupla presenteia o amante das batidas eletrônicas com um compacto que se apresenta novamente entre linhas marcantes de baixo e snares e vocalizações, além de elementos acústicos em climas downtempo, aqui distribuídos entre as cinco faixas que o compõem. A forte coesão entre as faixas, dando um sentido de unidade, é mais um detalhe positivo tanto do álbum, como da peça dentro da discografia, que se apresenta homogênea mas sem soar repetitiva ou não inovadora.

A faixa título abre a obra com um clima entorpecente – se repetindo mais à frente em Rumors – em meio a repetições tanto instrumentais quanto em voz, soando como o turbilhão de informações que nos deparamos no cotidiano. A seguir, He Said No surge intimista e mais fria, com ares mais reflexivos e introspectivos, com dedilhados acústicos e uma diminuição na intensidade de graves na percussão, mas, que claro, ainda se faz presente.

Com ar de vida noturna citadina, The Water’s Fine pode até ser considerada a mais bela composição do álbum. Digna de trilha sonora de cenário de carros e luzes, a faixa vem com apego meio Drum ‘n’ Bass e bem encorpada nos graves e percussão, vem também com ecos vocais ao fundo que soam como os relances visuais e sonoros que encontramos ao caminharmos pelas ruas a pé ou em autmóveis durante nosso dia-a-dia. Para encerrar o EP, a curta DMD, com seus 1:32, aposta novamente em arranjos de cordas acústicas, e dessa vez com espaço quase que só pra elas e com sutis camadas ao fundo.

Make You parece se conectar aos pensamentos e divagações do cidadão das selvas de concreto, e pode ser visto tanto com um álbum mais lounge e de easy listening devido à sua simplicidade. Entretanto também de alta reflexão, justamente por esse fator simplista que nos faz elevar os pensamentos durante sua execução.

 1,644 total views

BOM PARA QUEM OUVE: Bonobo, Andy Stott, Gold Panda
ARTISTA: Sepalcure
MARCADORES: Downtempo, Drum'n'Bass, Dub, EP

Autor:

Marketeiro, baixista, e sempre ouvindo música. Precisa comer toneladas de arroz com feijão para chegar a ser um Thunderbird (mas faz o que pode).