Resenhas

Simian Mobile Disco – A Form Of Change

Duo britânico prova versatibilidade lançando um EP de quatro faixas que permeiam entre o Electro, Techno e Deep House

 1,860 total views

Ano: 2012
Selo: Wichita Recordings
# Faixas: 4
Estilos: Electro, Techno, Deep House
Duração: 25:06
Nota: 4.5
Produção: James Ford e Jas Shaw

James Ford e Jas Shaw são alguns dos nomes que honram a música eletrônica em sua forma pura. Não é à toa que a maioria dos fãs de Electro saem de seus lives de boca aberta, percebendo que eles trazem o analógico e surpreendem com o talento ali ao vivo, sem medo de mostrar por que formam um dos duos de melhor reputação de Londres: Simian Mobile Disco. A dupla volta, dessa vez, com A Form Of Change, um EP de quatro faixas produzido durante as gravações de seu último álbum de estúdio.

Aqui, diferente de Unpatterns, o ânimo reina com sintetizadores animados percorrendo o Groove. A Form of Change, faixa que dá nome à obra, traz um clima arejado, relaxante e sinestésico de início. Seus primeiros dois minutos e meio provam o renascer de uma proposta que está por vir. Uma proposta completamente instável, que quebra seu ritmo em sua metade para dar espaço a uma percussão minimalista com elementos do Dubstep. Os sintetizadores são latejantes enganando um experimentalismo que nem de longe é imaturo. Unfixed tem batidas com maior marcação e a prova que a palavra de ordem do álbum é “mudança” (o nome do álbum não poderia ser diferente). A música traz melodias que facilmente poderiam ser separadas, construindo do nada para paisagens sonoras incrivelmente completas e, posteriormente, caindo novamente momentos depois.

Breaking Times tem uma linha Techno que brinca com loops e sintetizadores em progressão. Uma faixa recheada de um grave delicioso e foge por completo de qualquer tipo de sobriedade. A ideia de deixar o melhor pro final se mantém aqui. Everyday traz um vocal feminino cortado em cima de uma percussão descompassada que distancia o Dubstep e/ou Electro para uma base Deep House contagiante que propõe qualquer desfrute sofisticado a la Digitaria ou Amine Edge. Perfeito para “hitar” em uma pista de Tech-House ou para aproveitar um dia ensolarado.

A Form of Change é um EP completo com o único defeito de ser curto. A obra mostra sua despretensão em criar uma identidade, ousa e traz vários estilos em um só trabalho. A impressão que se tem é que eles sabem exatamente o que funciona e o que não dá certo. O álbum força no agudo, demonstra versatibilidade e propõe outras formas de se ver o Simian Mobile Disco. É como se cada linhagem fosse pensada para uma paisagem, de forma meticulosa, bem trabalhada e metódica. SDM está em outro patamar e, lá de cima, expõe sua maturidade e faz um som híbrido cheio de detalhes de uma forma tão natural que parece até que se trata de uma produção fácil. Eles não precisam mostrar trabalho nem provar nada a ninguém. A Form of Change serve de motivo para que agradeçam o que Ford e Shaw fazem por toda cena eletrônica.

Você pode ouvir o álbum na íntegra no Soundcloud dos caras, ou comprar o álbum na Beatport.

 1,861 total views

BOM PARA QUEM OUVE: Joy O, Digitaria, Atoms for Peace
MARCADORES: Electro, Techno

Autor:

Publicitário que não sabe o que consome mais: música, jornalismo ou Burger King