Resenhas

Tribes – Wish To Scream

Em seu segundo álbum, o quarteto inglês perde novamente a batalha contra a mediocridade enfileirando onze novas faixas que não passam de meras copias sem personalidade das tendências do Indie Rock

2,444 total views, no views today

Ano: 2013
Selo: Island
# Faixas: 11
Estilos: Indie Rock, Indie Pop
Duração: 37:15
Nota: 1.5
SoundCloud: /tracks/92138232
Itunes: http://clk.tradedoubler.com/click?p=214843&a=2184158&url=https%3A%2F%2Fitunes.apple.com%2Fbr%2Falbum%2Fwish-to-scream-delux

Em seu segundo disco, Wish To Scream, o quarteto inglês Tribes se prova tão ou mais inofensivo (e de qualidade questionável) que em sua estreia no ano passado. Pasteurizando novamente tendências do Indie Rock dos últimos dez anos, o grupo cria um registro vago e totalmente carente de momentos minimamente marcantes. O álbum amontoa 37 minutos (distribuídos em onze faixas) de sonoridades que você provavelmente já conhece (e deve gostar quando vindo dos originais), mas que mesmo assim falham em empolgar o ouvinte.

Se utilizando mais uma vez das mesmas referências sonoras (Wilco, Pixies e Girls), a sensação de “novidade” vem com tendências de Primal Scream (Looking for Shangri-La’s), U2 (How the Other Half Live), The Kooks (Sons and Daughters) e Oasis (Englishman on Sunset Boulevard*). Sem dúvida alguma as referências são ótimas, mas a falta de personalidade ao tratá-las leva o álbum a um terreno batido, mais amostras do mesmo sem graça. Sem trazer nenhuma ideia própria, o disco não passa de um pastiche sem a menor demonstração de ambição ou vontade de se destacar entre outras tantas bandas semelhantes.

Infelizmente Johnny Lloyd e companhia ainda não provam sua validade no meio musical e mais uma vez não conseguem imprimir em seu registro a sensação de estar ouvindo algo que realmente valha a pena. Ainda que o disco possa ser de alguma forma vendável, ele não irá se destacar em meio às prateleiras ou na discografia de quem o tiver – sé é que ganha algum destaque para a banda em si.

2,445 total views, 1 views today

BOM PARA QUEM OUVE: Pixies, Wilco, The Kooks
ARTISTA: Tribes
MARCADORES: Indie Pop, Indie Rock

Autor:

Apaixonado por música e entusiasta no mundo dos podcasts