Resenhas

Twin Peaks – Down In Heaven

Terceiro disco traz um conjunto mais amadurecido e bem produzido

 1,986 total views

Ano: 2016
Selo: Grand Jury
# Faixas: 13
Estilos: Indie Rock, Garage Punk, Lo-Fi
Duração: 41:58
Nota: 3.5
Produção: Andrew Humphrey

Twin Peaks merece o nome que tem. Baseado na misteriosa série dirigida por David Lynch, este talvez seja o adjetivo que mais cabe ao definir a sonoridade do conjunto, que pode facilmente passar por uma banda Indie Rock do finalzinho dos anos 2000, quando o gênero já começava a sofrer os primeiros sinais de um esgotamento criativo, mas, de uma forma interessante, o grupo parece agregar algumas influências dos anos 1960/70, desde um iê-iê-iê adolescentesco, até vocais que flertavam com um Dylan mais agressivo, ou um Sid Vicious mais calminho. Seja como for, o campo criativo do conjunto sempre foi bastante limitado, porém muito curioso e, se percebemos alguma coisa nova nesse novo registro, é apenas que a maturidade parece ter chegado aos ouvidos da banda.

Down In Heaven é o terceiro trabalho de estúdio do conjunto americano e, se outros registros mostravam um grupo de amigos que se reuniram para tirar um som descompromissado, parece que esses mesmos amigos se mostram muito mais confiantes em dizer que não é apenas um mero som, mas uma sonoridade definida e plena. Com uma masterização que toca em vértices do Lo-Fi, mas que não chega necessariamente a fazer disto um estereótipo, as canções tem o mesmo apelo Pop, com versos repetitivos,refrões pegajosos e um vocalista que canta de um jeito cool, no melhor estilo “não ligo, sou rebelde”. É bem Vintage, mas não é uma cópia dos anos 60/70, é uma recriação de significados em torno de uma estética já conhecida.

É obvio que podemos cair em alguns labirintos criativos que mostram algum sinal de preguiça, mas a forma como a banda caminha em busca de lapidar e persistir nas referências, seja com canções um pouco mais elaboradas ou uma produção mais firme, faz de Down In Heaven um passo natural e extremamente saudável a este grupo, que mostra sinais de um crescimento consciente mas que não abandona as raízes. Assim, o EP evidencia uma forma definida para ouvintes de primeira viagem e cativa fãs de longa data. Um disco amadurecido que aponta futuros promissores.

(Down In Heaven em uma faixa: Holding Roses)

 1,987 total views

ARTISTA: Twin Peaks

Autor:

Designer frustrado, julgador de capas de discos e odiador daqueles que põem o feijão antes do arroz.