A fraternidade Indie de grandes cantoras Pop

As gerações mais novas de Beyoncé e Miley Cyrus mostram que também tem talento e potencial dentro do nicho alternativo

7,381 total views, 1 views today

Uma cantora Pop desponta. Ela toca em todas as rádios, participa de grandes premiações, é produzida por gigantes e reconhecida por todas as partes do globo. No entanto os bons genes vocais nem sempre são voltados apenas para ela, da mesma forma que viver na sombra de uma estrela não é mais a primeira opção das jovens irmãs de artistas como Beyoncé e Miley Cyrus.

Elas buscaram o seu próprio estilo e batalham por seu lugar ao sol dentro de um nicho mais alternativo da música, tanto que vem sido notadas pelas mídias e blogs indie da rede. Conheça mais sobre elas:

Brandi Cyrus e o Synthpop

Hannah Montana e toda a Disney estão longe da sensibilidade e frescor musical encontrado no duo Frank + Derol, banda da jovem Brandi Cyrus e sua amiga Codi Caracol. O predomínio de sintetizadores ritmados acompanham os vocais adocicados das meninas, que trazem sua jovialidade e batidas marcadas de uma maneira agradável e quase inocente, que agrada garotas e é uma boa dica para marmanjos conquistarem jovens corações.

Brandi e Codi lançaram no mês de setembro seu primeiro EP homônimo contendo quatro boas faixas, com destaque para dois potenciais de hits nas músicas Barely Love You Too e Lightning + Gold. A banda é uma boa dica para quem gosta de The Naked And Famous e Ellie Goulding, e já está bem vista aos olhos de produtoras como a Vevo e tem recebido o apoio da Interscope Records.

Solange Knowles e o Neo Soul

Beyoncé já é considerada uma das maiores cantoras da música Pop da atualidade graças a suas fáceis letras, ritmos frenéticos, coreografias marcantes e potência vocal. Solange Knowles tentou emplacar da mesma maneira que sua irmã antes de seu grande estrelato, mas, até então, parece que ela não havia se encontrado.

Com o tempo, a Knowles mais jovem foi solidificando seus gostos, se identificando com estilos musicais mais alternativos e até mesmo se fundindo a eles. A musicista já esteve ao lado de nomes como Chromeo, Grizzly Bear, Of Montreal e Dirty Projectors, seja como colaboradora em shows ou dando pitacos em produções de discos.

Solange recentemente vem sido produzida por Dév Hynes (do Blood Orange) em seu terceiro disco que segue por uma rota mais sólida e traz o Neo Soul aplicado a bons timbres vocais da moçoila e sintetizadores utilizados estrategicamente como forma de bons toques finais.

Até então, as faixas Losing You e Sleep In The Park dão uma prévia do que esperar por aí. O som é bom para os apreciadores de nomes como Janelle Monáe, Alicia Keys e até os traços mais modernosos de sua irmã estrela, que se arriscou bem nesse meio em seu último disco, 4.

7,382 total views, 2 views today

Autor:

Jornalista por formação, fotógrafo sazonal e aventureiro no design gráfico.