Wasadog sobre “Lure”: “É como se começássemos um novo projeto mesmo”

Disco, que sai na sexta (31), é o primeiro desde que a banda mudou de nome

492 total views, 3 views today

Fotos: Tomás Bobadilha

Quem conhecia a banda The Moondogs foi pêgo de surpresa quando, há alguns meses, o quarteto de São Paulo aposentou não só o figurino vintage que usava nos shows mas o próprio nome da banda, assumindo agora Wasadog como identidade. A mudança, é claro, veio acompanhada de uma nova fase sonora para Johnny Franco, Gabriel Gariani, Victor Prado e Gabriel Borsatto, alinhada com as influências setentistas que tomaram o Indie Rock desta década.

Um passo importante para firmar este novo momento é o lançamento de Lure, o primeiro álbum com o nome Wasadog. Segundo Johnny contou ao Monkeybuzz, a banda vem trabalhando essa metamorfose desde 2015, “mas fomos soltando para o público tudo de uma vez só, a mudança de nome e as músicas novas. É como se começássemos um novo projeto mesmo, as pessoas estão curtindo muito as músicas – ou mentindo muito bem pra gente”.

A primeira música de Lure apresentada foi a que ironicamente aparece por último no repertório do disco: Messin’ with Me. Ela veio com os dois pés na porta mostrar que não era mais o mesmo grupo que conhecíamos do disco Black & White Woman (2014), com uma vibe distante de um Rock mais popular que se aproximava mais de algum lado-B bem Alternativo que Arctic Monkeys teria feito na fase AM.

Back Up Closer e Natural Movement contiuaram a trabalhar essa estética, revelando uma afinidade que Wasadog tem também com nomes como Jack White e Alabama Shakes. Quem curte esse som encontrou em I’m Willin’ e Where and When duas novas favoritas, uma lista que deve aumentar assim que Lure chegar às plataformas de streaming nesta sexta, 31 de agosto.

Cada faixa apresentada nesses últimos meses segue também o conceito do álbum, como Johnny explica: “Quando estávamos no processo de gravação do disco, o nosso fotógrafo e fiel escudeiro, Thomas Bobadilha, fez um trabalho para um artista chamado LureMaker, fotografando suas iscas de FlyFishing feitas à mão. Quando vimos as fotos, fomos fisgados e, durante uma noitada em Cotia, a ideia do nome do album e das capas de single vieram como enxurrada”. “Lure”, “isca” em inglês, definiu também a capa dos singles e até mesmo a intenção de seus lançamentos: “Foi como se estivéssemos colocando uma isca diferente por mês nesse mar de conteúdo infinito em que vivemos no mundo online”, em suas palavras.

Com um show de lançamento em São Paulo também na sexta, 31, Wasadog apresenta a estética, a atitude e as cores de sua fase Lure – um som mais alinhado com o que tem sido produzido hoje em dia, do tipo que ouvimos em festivais dentro e fora do país. Se as referências musicais têm influências do passado, a história da banda, como o disco mostra, só aponta para um futuro bem mais amplo.

Wasadog: Show de lançamento do disco Lure Com as bandas Deb & the Mentals e Pretty Babies Z Carniceria (Av. Brigadeiro Faria Lima, 724 Pinheiros)(Metrô Faria Lima) Sexta, 31 de agosto, a partir das 22h Ingressos antecipados: Ingresse Evento: Facebook

493 total views, 4 views today

ARTISTA: Wasadog
MARCADORES: Entrevista, Novo álbum

Autor:

Desde criançaa apaixonado por música, consumidor compulsivo de hamburguer e chato