Entrevista

Travis: “Com o tempo, a melancolia começa a ir embora”

“L.A. Times”, 10º disco da banda escocesa, chega em julho; Fran Healy fala sobre o álbum e discute o que mudou (ou não) na sua forma de compor durante os mais de 30 anos de caminhada

Loading

Resenha

Cindy Lee – Diamond Jubilee

Com mais de duas horas de duração, disco de artista canadense é uma imersão intensa – e um dos melhores lançamentos do ano

Loading

Entrevista

Palavras, sons e cores com Arnaldo Baptista

Lenda da música psicodélica fala sobre a arte e os textos que formam o livro “Ficções Completas” (2023), com dois contos e um romance escritos durante os anos 1970

Loading

Resenha

Hannah Frances – Keeper of the Shepherd

Belas melodias, pequenas surpresas e uma intepretação à flor da pele permeiam o terceiro disco da cantora americana

Loading

Resenha

Bleachers – Bleachers

No quarto álbum do projeto, Jack Antonoff encarna bom humor irônico e desenvolve aura nostálgica – com uma pose milimetricamente desencanada

Loading

Resenha

Erika de Casier – Still

No meio do caminho entre o pop e o alternativo, novo disco da cantora é mais envolvente quando abraça a face intimista do R&B

Loading

Resenha

Brittany Howard – What Now

Em seu segundo disco solo, cantora vai do soul ao rock com naturalidade e soa livre, potente e ainda mais contagiante

Loading

Resenha

Nailah Hunter – Lovegaze

Centrada no ambient, mas com toques de folk, estreia da harpista americana une beleza e melancolia

Loading

Resenha

The Smile – Wall of Eyes

Novo disco do projeto de Yorke e Greenwood é menos “grandioso” do que o antecessor, mas mantém a intensidade em meio ao inescapável “sotaque radioheadiano”

Loading

Resenha

Bill Ryder-Jones – Iechyd Da

Quinto disco do cantor britânico comove de forma mais poderosa quando deixa a pretensão de lado e privilegia a face autoral mais natural

Loading

Resenha

Niecy Blues – Exit Simulation

Primeiro disco da artista americana une R&B e ambient em repertório de atmosfera íntima e, ao mesmo tempo, densa

Loading

Entrevista

Tagua Tagua e um tanto por aí

Durante turnê em Portugal, Felipe Puperi fala da recepção de “Tanto”, seu segundo álbum, e comenta sobre os desejos de fazer com que sua música circule pelo mundo

Loading

Newsletter
Contato
Equipe
Trabalhe conosco
Sobre