Resenhas

Icona Pop – This Is… Icona Pop

Dupla tem a árdua tarefa de mostrar que é mais que “I Love It” e revela muitos candidatos a hit, mas nenhum tão bom quando seu grande sucesso

2,873 total views, no views today

Ano: 2013
Selo: Record Company, TEN, Big Beat Records
# Faixas: 11
Estilos: Pop, Pop Eletrônico, Dance
Duração: 32:58
Nota: 3.0
Produção: Stargate/Elof Loelv/Patrik Berger/Style of Eye/Jarrad Rogers/Shellback/Kool Kojak/Benny Blanco/Nick Scapa/Justin Parker
Itunes: http://clk.tradedoubler.com/click?p=214843&a=2184158&url=https%3A%2F%2Fitunes.apple.com%2Fbr%2Falbum%2Fthis-is...-icona-pop

Sim, o disco já abre direto com I Love It. Digo isso porque há uma grande probabilidade de você ter entrado aqui pra ler sobre este álbum do duo Icona Pop justamente por este seu grande hit. E devo confessar que o álbum, por melhor que ele seja, será melhor apreciado se você vier atraído justamente por essa faixa.

É que This Is… Icona Pop, como o nome sugere, se propõe a mostrar a sonoridade da dupla sueca, uma musicalidade calcada nas melhores qualidades da música Pop Eletrônica de hoje em dia – aquilo pós-Dubstep e pós-cantoras-divas -, sabendo divertir com canções muito divertidas e (como deveria ser mesmo), cheíssimo de novos candidatos a hit.

Com onze faixas e pouco mais de meia hora de duração, é um tapa atrás do outro em vocais cheios de efeitos, batidas potentes e ambientação carregada. Não é muito (ou quase nada) diferente de diversos trabalhos no gênero, mas são todas muito simpáticas e com produção caprichada.

Falando nisso, o time de músicos por trás do álbum não poderia ser maior e cada um emprestou muita qualidade a cada uma de suas faixas. O potencial dançante aqui é imenso, mas cabe uma ou outra surpresinha ali no meio, como Just Another Night e Hold On, que desaceleram um pouquinho o ritmo sem perder o pique da festa.

I Don’t Care, com participação de Charli XCX, continua sendo o grande destaque do disco, mas All Night, Girlfriend e We Got the World vem com potencial de seguir os passos de sua “irmã mais velha” e fazer bonito nas paradas e nas pistas, mas preste atenção nos sintetizadores de In the Stars e nos drops de Ready for the Weekend. Coisa fina.

Como em todos as boas obras de Pop dançante, é um grande convite para arrastar os móveis e fazer um baile solo em casa ou dançar como se ninguém estivesse te olhando na balada – ou, seguindo a atitude das gurias, apenas sem se importar com o que os outros pensam, já que dançar algo assim é sempre divertido demais.

2,874 total views, 1 views today

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.