Resenhas

Fear of Men – Early Fragments

Quarteto inglês segue a cultura de som melodioso típica da região britânica, remetendo a nomes já conhecidos do estilo Twee e Indie Pop

 1,660 total views

Ano: 2013
Selo: Kanine Records
# Faixas: 8
Estilos: Indie Pop, Twee
Duração: 25:03
Nota: 4.0

Seja há anos e anos com os primeiro artistas de Indie Pop e Twee, ou mais recentemente com os mais novos, países como Escócia e Inglaterra vem demonstrando que são os especialistas em criar músicas delicadas que misturam guitarras dedilhadas e vocais suaves, e vez ou outra com toques “sujinhos” ao fundo. Seguindo essa cultura, o quarteto Fear of Men só confirma essa tradição ao nos mostrar esse som característico em seu compacto de estreia Early Fragments.

Jess, Dan, Mike e Robyn são os nomes que compõem a novata banda de Brighton, Inglaterra, que começou a dar seus primeiros passos no ano de 2011 ao lançar uma cassete e o primeiro 7”, e somente em Janeiro de 2013 o compacto Early Fragments, o maior trabalho até agora da carreira. O EP traz uma compilação dos singles anteriores somados a novas e exclusivas faixas, vindo daí o motivo do nome do disco (“Fragmentos Anteriores/Iniciais” em tradução livre).

Um detalhe interessante ao citar os discos é a construção de uma marca registrada da banda, ou seja, a utilização de obras clássicas de referências greco-romanas, como estátuas, bustos e antigos artefatos e utensílios. Tal detalhe só torna o trabalho da banda, já belo para os ouvidos, belo também para os olhos.

O som do Fear of Men com certeza irá agradar a fãs de bandas de Indie Pop do final dos anos 80 e início de anos 90, como Talulah Gosh e Belle and Sebastian, ou das mais novas, como Veronica Falls e Pocketbooks. Em apenas 25 minutos de duração, vemos um som melodioso, embalado pelo doce vocal feminino de Jess e com doses certeiras de fuzz.

O clima gerado pelas faixas é incrivelmente acolhedor, te fazendo esquecer de qualquer problema ou complicação e deixando-se levar pela leveza e simplicidade da obra. Early Fragments apresenta faixas ora mais animadas e lúdicas, ora mais intensas na questão de expor sentimentos pessoais, que não se restringem à letra e acabam sendo passadas inclusive na execução da música. A sensação varia desde a de estar vestindo um sobretudo em um dia de verão frio inglês caminhando com os amigos pelas ruas em meio a sorrisos e risada, quanto a de tomar um caneca de café olhando típica casas inglesas pelos vidros molhados da janela de sua sala de leitura.

Os primeiros passos do Fear of Men se mostram bem firmes, cumprindo bem o papel de trazer um som Pop melódico que oscila entre o animado e introspectivo, e que nos remete aos nomes mais conhecidos do estilo e adorados pelo público. E é este público que a banda agora tenta e, certamente, irá conquistar em pouco tempo.

 1,661 total views

ARTISTA: Fear of Men
MARCADORES: Indie Pop, Twee

Autor:

Marketeiro, baixista, e sempre ouvindo música. Precisa comer toneladas de arroz com feijão para chegar a ser um Thunderbird (mas faz o que pode).