Resenhas

Lestics – Seis

Poucas faixas são suficientes para revelar que a banda, mesmo em nova formação, mantém a boa forma

3,255 total views, no views today

Ano: 2014
Selo: Independente
# Faixas: 6
Estilos: Rock Alternativo, Folk Rock
Duração: 24:30
Nota: 3.5
Produção: Marcio Tucunduva

Pode mudar formação ou acontecer o que for, mas Seis ainda é um disco tipicamente Lestics – no bom sentido. Arranjos muito bonitos, versos ainda mais e aquela vontade de fechar os olhos a cada faixa conferem ao registro sua digna inclusão na discografia do grupo paulistano.

O que mudou foi por causa do momento em que vivemos no mundo da música mesmo, daí o disco ter apenas seis faixas, e não configurar o que entendemos por um “álbum” inteiro de dez ou dose músicas. Dá vontade de ouvir mais sim, mas o trabalho chega redondinho e com pouco menos de 25 minutos que duram o tempo certo pra apreciarmos mais da banda, quer você já a acompanhe ou não.

É interessante como, mesmo com um número menor de músicas, dá a impressão que a obra se divide bem em duas partes (lados A e B), impressão reforçada pelo fade out nas faixas Tempo de Partir e O Começo, mas também porque Um Jeito Especial de Dar Errado tem cara de quem retoma o fôlego, de quem vira a página.

Os títulos das músicas denunciam o tom melancólico do disco, aspecto que a banda sabe trabalhar bem, sem cair em pieguices ou perder uma sensibilidade mais orgânica. Desvario, lançada anteriormente, sempre salta aos ouvidos como a mais bonita do repertório, mas as demais não ficam muito atrás.

Bom pra quem curte uma poesia cotidiana e sensível e um som que saiba acompanhar a beleza de adjetivos assim.

3,256 total views, no views today

BOM PARA QUEM OUVE: Onagra Claudique, The Shins, Wilco
ARTISTA: Lestics

Autor:

Comunicador, arteiro, crítico e cafeínado.