Resenhas

School Of Language – Old Fears

Novo disco da carreira solo da metade do Field Music vem mais suave e quase soa como uma Ambient Music

 1,244 total views

Ano: 2014
Selo: Memphis Industries
# Faixas: 10
Estilos: Pop Alternativo, Electro-Pop, Nu Disco
Duração: 34:34
Nota: 3.0

Leve, de fácil audição, direto e reto. É assim que chega Old Fears, segundo álbum da carreira solo de David Brewis, do duo Field Music, que assume nessa fase o nome artístico de School Of Language.

Mantendo a qualidade do projeto principal, formado junto de seu irmão Peter Brewis, a carreira solo de David ganhou agora mais um trabalho. Dessa vez, diferentemente de Sea From Shore – disco de estreia de sua carreira solo – ,Old Fears vem menos intenso, com menos cara de Rock e aposta mais na eteridade e sutileza das canções com toques variantes de estilos, e consegue resultar em algo como um som Ambient, mesmo não sendo uma Ambient Music. Tudo devido à sua leveza instrumental – com baterias sutis mas marcantes – como em Distance Between – guitarras suingadas – assim como visto em A Smile Cracks – e também leveza do vocal de David.

Mesmo apresentando canções tranqüilas, conseguimos nos remexer na cadeira ao ouvir essa mistura sonora que fica entre o Nu Disco e o Electro-Pop com um toque aqui e acolá de “Art Rock” e experimentalismo, como nas vocalizações e glossolalias em Suits Us Better, que se tornam as batidas de fundo da canção, mas também tendo uma face mais “Indie Pop”, observada na animadinha Dress Up.

Sucinto, o disco consegue passar a sua mensagem de dança contida e tímida mas contagiante. O resultado é uma obra que não enche olhos, mas agrada que busca relaxar os ouvidos com um som que não seja insosso ou monótono, e Old Fears consegue cumprir muito bem esse papel muito bem e em tempo suficiente, sem que tal trabalho enjoe ou se torne repetitivo.

 1,245 total views

Autor:

Marketeiro, baixista, e sempre ouvindo música. Precisa comer toneladas de arroz com feijão para chegar a ser um Thunderbird (mas faz o que pode).