Resenhas

Snowy Band – Alternate Endings

Banda australiana entrega disco suave e intimista em homenagem às segundas chances

 212 total views

Ano: 2021
Selo: Happiness Records
# Faixas: 11
Estilos: Folk, Lo-Fi
Duração: 45'

É com suavidade e delicadeza que a banda australiana Snowy Band chega com Alternate Endings, um álbum em homenagem às segundas chances. O disco vem na sequência do primogênito Audio Commentary, lançado em 2020, e vem conceitualizado como um final alternativo a este: “Don’t Want To See You (Again)”, a faixa de abertura, é uma regravação da canção que encerra seu antecessor.

Alternate Endings medita sobre tentativas, erros e suas reconsiderações. Letras magoadas ruminam um passado que não foi embora e as letras falam de um amor que não aconteceu, mas poderia ter acontecido. No entanto, as imagens suscitadas por aqui são coloridas por tons suaves e pastéis, o que soa como uma resistência estética à apatia diante da vida.

Em geral, timbres crispados de palhetas raspando nas cordas do violão, vozes apertadas, angustiadas em sair e ruídos de fita delineiam um espaço íntimo como um cômodo vazio, onde todos os detalhes da construção ficam evidentes. É uma herança estética de bandas como Wilco ou, quem sabe, Angelo de Augustine.

“Minha maneira favorita de ouvir música é com fones de ouvido, talvez em uma caminhada relaxante. Eu gosto de ouvir novamente os álbuns e perceber os detalhes que perdi na primeira vez, os instrumentos com volume baixo ao fundo e aprender a amar as notas estranhas e erradas. Mais do que tirar qualquer outra coisa da criação do álbum, eu apenas tentei fazer rapidamente um álbum que eu pudesse ouvir novamente e redescobrir os acidentes felizes e idiossincrasias de se decidir por uma primeira ou segunda tomada” declarou o vocalista Halliwell, deixando claro o aspecto artesanal e intimista de Alternate Endings.

Com um segundo disco lançado no seu segundo ano de existência, Snowy Band continua a linhagem de bandas australianas superprodutivas e conceituais como King Gizzard and the Lizard Wizard ou Bananagun. A excelência da produção de todas estas emulam com maestria sons de outros lugares e outras épocas. No caso de Snowy Band, a ideia de paisagens brancas e geladas não é comumente associada ao arenoso e ensolarado solo australiano, mas justamente aí revela-se algo de interessante: um lado B de uma identidade nacional, que busca algo mais cool e introspectivo.

(Alternate Endings em uma faixa: “The Last Thing”)

 213 total views

ARTISTA: Snowy Band

Autor:

é músico e escreve sobre arte