Domo Genesis - Aren't U Glad You're U?

Domo Genesis - Aren't U Glad You're U?
  • Ano: 2018
  • Selo: Independente
  • Produção: Evidence
  • # Faixas: 8
  • Estilos: Hip Hop, RnB, Sample Based
  • Duração: 20:19
BBBaa

Quando pensamos no coletivo Odd Future (OFWGKTA), automaticamente nos direcionamos aos integrantes mais conhecidos, como Tyler, The Creator, Frank Ocean, SYD e Earl Sweatshirt. Dono de uma sonoridade bastante conhecida, o grupo procurava juntar as referências de cada um desses nomes, expandindo ainda mais a paleta de possibilidades dentro destas composições. Porém, por vezes deixamos de lado alguns integrantes que possuíam um papel fundamental na construção do projeto, e Domo Genesis certamente é um deles. O DJ e produtor é responsável pela composição de faixas bastante conhecidas do coletivo, além de ter lançado Genesis, um disco de estreia que captava as nuances do RnB e a “estranheza” de Odd Future.

Em Aren’t U Glad You’re U?, Domo Genesis procura novos caminhos para seguir dentro da fórmula que lhe é tão familiar. O curioso deste registro é perceber como o talento do produtor foi útil na hora de trabalhar com Odd Future e, por consequência, acaba revelando sua habilidade de unir em uma mesma música elementos de naturezas tão distintas. Apesar de limitada em sua proposta, esta mixtape é instigante, uma vez que nos sentimos atraídos a identificar as partes que a formam e, mesmo que seja uma tarefa que exige precisão e atenção, vemos que cada elemento, por menor que seja, é fundamental para a sonoridade. Entre samples dos anos 1970, sintetizadores tortos, versos irônicos e batidas quebradas, Domo Genesis continua nos mostrando do que é capaz, como se essa mixtape fosse um grande laboratório de experimentos sonoros, sem necessariamente precisar chegar a algum lugar.

Me Vs. Me abre o registro com um tom maligno característico de Odd Future, representado pelo órgão uníssono ao fundo da batida arrastada. Puxando para a década de 80/90, os acordes abertos repletos de Soul e RnB inundam os versos de Shaq Carried Kobe, não economizando nos efeitos de gravador de fita. Mais soturna, BBB brinca com Rhodes misteriosos que acabam ficando repetitivos depois de um tempo. Sing Me A Song traz uma cativante batida, certa de conduzir sua cabeça para cima e para baixo aos primeiros acordes. Parceria com o também produtor Evidence, Fuck A Co-Sign traz um trabalho de sample interessante com vocais de canções dos anos 40, ao mesmo tempo que um flow rastejado e grudento. A mesma faixa acaba em Hood Famous, usando pianos de Jazz em eterno loop até que ele se esgote.

Apesar de mostrar o que sabe fazer de melhor, é um registro bastante limitado à estética. É certamente uma mixtape que irá atrair fãs assíduos de Domo Genesis ou Odd Future, mas pode encontrar dificuldades para ir além disso. No final das contas, temos um disco mediano de um produtor muito bom, um deslize pequeno se considerada sua obra total.

(Aren’t U Glad You’re U? em uma faixa: Shaq Carried Kobe)

Bom para quem ouve: MellowHype , Earl Sweatshirt , Tyler, The Creator

Artista: Domo Genesis

Marcadores: Sample Based, RnB, Hip Hop