Screaming Females – All At Once

Álbum carregado de referências é um dos melhores da banda

879 total views, 6 views today

Ano: 2018
Selo: Don Giovanni Records
# Faixas: 15
Estilos: Garage Rock, Stoner Rock, Post Punk
Duração: 50
Nota: 4.0
Produção: Matt Bayles

Screaming Females é uma banda estadunidense liderada por Marissa Paternoster, que canta e toca guitarra, e à qual se juntam dois caras, Jarrett Dougherty e King Mike, para cuidar de baixo e bateria. O projeto explora diversas vertentes do Rock garageiro, às vezes pendendo mais para o lado do Indie lo-fi, outras mais para o Punk e outras ainda até mesmo para o Hardcore mais comercial.

Este All At Once é o sétimo álbum do grupo, já na ativa desde 2006, e é possível arriscar que talvez tenhamos diante de nós o melhor trabalho do grupo até então. Preenchido de 15 faixas, All At Once é robusto, muscular e, mais do que isso, traz melodias e riffs de guitarra que envolvem imediatamente o ouvinte em sua atmosfera de overdrive.

O clima varia entre influências vindas de Garbage, Dinosaur Jr. e, vejamos, Savages. São todos exemplos de grupo que conseguem trabalhar uma espécie de angústia existencial de maneira pró-ativa e acelerada. I’ll Make You Sorry traz o tempero do Post-Punk, Agnes Martin (uma homenagem improvável à artista plástica que dá nome à faixa) é uma tradução sensorial que faz lembrar The Mars Volta. Fantasy Lens é um aglomerado de energia Stoner Rock que preenche um espaço vazio deixado por Queens Of The Stone Age.

Como deu pra perceber, All At Once faz jus ao seu título, uma vez que falar do trabalho é botar na mesa infindáveis referências e associações. Talvez seja essa uma das melhores características do trabalho, o gancho que este faz com os melhores momentos do Rock nas últimas décadas, em suas diversas vertentes, tudo executado com sangue nos olhos e precisão cirúrgica.

(All At Once em uma música: Agnes Martin)

880 total views, 7 views today

Autor:

Discreto e silencioso. Falo pouco, ouço bem, porém.