Resenhas

Holger – Sexualidade e Repressão EP

Álbum “curto com açúcar” é boa sequência do disco que lançou “Café Preto” em 2014

2,495 total views, no views today

Ano: 2016
Selo: Balaclava Records
# Faixas: 4
Estilos: MPB, Axé-Indie
Duração: 12
Nota: 3.0
SoundCloud: Álbum

Sexualidade e Repressão é formado por quatro sobras do disco homônimo lançado pela Holger em 2014, aquele com a empolgada Café Preto entre as faixas. Se não se encaixam com a proposta do lançamento anterior, as músicas aqui passam longe do significado casual de “sobra”: São composições que não são só “o que ficou de fora”, nem “o que tem pra hoje”.

Elas funcionam muito bem juntas e conseguem se alavancar umas às outras, deixando a brevidade da audição com uma sensação de completude e bem estar. Despedida, ainda que sem a energia da já citada Café Preto, nos lembra porque gostamos da banda e chega com um vocal mais baixo, íntimo, do vocalista Tché. Com uma letra sobre relacionamento, mas com um pé cômico para a coisa toda não desandar (longe de ser uma canção da Clarice Falcão, porém), ela dá o tom de um EP que não é repetitivo, mas muito bem costurado.

A seguinte, Outra Serenidade, com bongôs e uma latinidade que lembra Paralamas do Sucesso, tem refrão para ouvir em movimento, seja a pé, na bicicleta, ônibus ou carro. Selvagem, a terceira, traz um baixo funkeado que mantém a ginga, com um solo meio John Frusciante que é um casamento perfeito para a levada.

A homônima Sexualidade e Repressão fecha já com a vantagem de ter um bom timing com acontecimentos atuais da política e manifestações sociais decorrentes deles. “Minha calma, sua causa, não vale nada … / Quanta repressão, ai que dó”, entre outros versos, é cantado em uma serenidade quase irônica que refresca o som da banda sem causar estranhamento.

De audição rápida – e bastante válida – Holger mostra que trabalhou com calma as músicas e a forma como apresentá-las a nós, dando vida a um trabalho sólido que não só é uma boa sequência do álbum de 2014, como funciona muito bem em paralelo a ele.

2,496 total views, 1 views today

ARTISTA: Holger
MARCADORES: Resenha

Autor:

Videomaker, ator e Jedi