Resenhas

Nine Inch Nails – Ghosts V: Together

Novo capítulo das incursões meditativas de Trent Reznor sobrepõe camadas sonoras de maneira sutil e oferece calmaria diante do caos

525 total views, no views today

Ano: 2020
Selo: The Null Corporation
# Faixas: 8
Estilos: Eletrônica, Ambiente
Duração: 70'
Produção: Trent Reznor, Atticus Ross

Em 2008, o Nine Inch Nails encerrou o seu contrato com o selo Interscope e aproveitou a ocasião para lançar a coletânea de 36 faixas intitulada Ghosts I-IV. A sequência de músicas, etéreas e alongadas, soavam como um respiro de liberdade, uma oportunidade de incursões mais meditativas para Trent Reznor, a cabeça por trás da empreitada.

Agora, a continuação desta etapa nasce no contexto da quarentena imposta pela pandemia do coronavírus. As condições são adversas, diferentes, mas a sequência parece seguir mais ou menos a mesma linha de pensamento de antes. Ghosts V: Together e Ghosts VI: Locusts são dois álbuns que foram lançados gratuitamente pelo grupo, atualmente formado por Reznor e Atticus Ross, seu parceiro na composição de trilhas sonoras. Ambos nascem tanto do isolamento dos produtores, quanto da vontade de compartilhar material gratuito, acessível a um grande público em isolamento social.

Ghosts V é bastante meditativo, e sobrepõe camadas sonoras compostas de matéria sutil. O ambiente sonoro é noturno e a geografia parece arenosa, transportando o ouvinte para grandes espaços vazios e contemplativos. Algumas faixas se estendem por mais de dez minutos, criando uma percepção do tempo diferenciada, na qual tudo acontece devagar, como se cada timbre, cada compasso, cada melodia, fosse uma consequência natural de seu antecessor. O nome de cada música – “Together”, “With Faith”, “Still Right Here” – sugerem um arco narrativo, como se o álbum fosse a trilha sonora de uma jornada interior do ouvinte.

A chegada deste trabalho na mesma época que Cenizas, de Nicolas Jaar, aponta para uma tendência da Música Eletrônica, que volta a sua atenção para a estética Ambiente. O espírito parece ser o de repensar o papel da sociedade num planeta já devastado e em fase de renascimento. Pelo que podemos perceber destes artistas, agora teremos que equacionar momentos de grande ansiedade com outros de calmaria. Ao menos na música é essa a intuição de novos tempos que se manifesta.

(Ghosts V: Together em uma faixa: Together)

526 total views, 1 views today

Autor:

Discreto e silencioso. Falo pouco, ouço bem, porém.